APRENDIZAGEM

Seja parceiro do Programa Nacional de Educação Empreendedora

Conheça a importância de estimular os jovens a empreender e saiba como o Sebrae atua para tornar essa realidade mais possível.

A educação empreendedora passou a ocupar uma posição de destaque no campo econômico e social no cenário brasileiro. A sociedade contemporânea exige pessoas empreendedoras, autônomas, com competências múltiplas, que tenham capacidade de aprender, de adaptar-se a situações novas e de promover transformações. O Sebrae participa desse propósito associando-se a parceiros engajados a disseminar a educação empreendedora.

Empreendedorismo é um modo de pensar, é uma atitude que dever ser desenvolvida e praticada.

Foco nos jovens

Ao vivenciar conteúdos de empreendedorismo, jovens se preparam para o mundo de trabalho, seja seguindo carreira em uma empresa, seja abrindo o próprio negócio. Esses conteúdos estimulam o raciocínio e a busca por aprender conceitos, conhecimentos e técnicas que  ajudem a resolver problemas do dia a dia com os quais terá de lidar na vida profissional.

O ensino do empreendedorismo estimula conversas sobre a estruturação de sonhos pessoais e profissionais. Assim, são formados profissionais que sabem planejar, buscar informações e estabelecer metas, são persistentes, proativos, independentes e autoconfiantes.

A missão da educação empreendedora é desenvolver pessoas para o empoderamento, atitudes e mentalidade empreendedoras, para que possam encontrar soluções para os mais diversos problemas. Afinal, empreender é muito mais do que criar o seu negócio ou ter sua empresa.

Entre os motivos mais citados como limitantes à atividade empreendedora no país está a falta de educação e capacitação. Assim, especialistas da área propõem que o empreendedorismo seja um conteúdo transversal e esteja presente em todos os níveis de ensino, da educação básica ao superior, fazendo uso das tecnologias da informação.

Programa Nacional de Educação Empreendedora (PNEE) tem o objetivo de colaborar para o desenvolvimento integral dos jovens, estimulando o protagonismo juvenil, instigando-os a identificar oportunidades e planejar seu futuro por meio de atitudes empreendedoras. O Programa, de 2014 a 2016, capacitou 2.408.302 estudantes, 51.919 professores e firmou parcerias com cerca de 3 mil instituições de ensino.

Centro Sebrae de Referência em Educação Empreendedora é uma plataforma digital de estudos, pesquisas, ferramentas e tecnologias sobre educação empreendedora. Seu objetivo é ser uma ponte entre o universo acadêmico e o mercado, a fim de difundir a educação empreendedora.

A importância da cultura empreendedora na educação tem o papel de elevar as perspectivas dos jovens que já sonham alto, ou ainda não, fazendo que seus sonhos e a vontade de crescer não tenham limites.

O Sebrae já atua em parceria com algumas instituições no desenvolvimento de ações de Educação Empreendedora:

Participe também dessa jornada e entre em contato com o Sebrae no seu estado se desejar ser parceiro do Programa Nacional de Educação Empreendedora.

Veja também

  • Você é professor e quer saber como estimular a educação empreendedora entre seus alunos? Saiba mais aqui.

Voltar à página principal do Programa Nacional de Educação Empreendedora

O conteúdo foi útil para você?

  • Sim
  • Não

Enviado com sucesso! Agradecemos sua ajuda.


Compartilhe: