Para tornar-se um Microempreendedor Individual é preciso se enquadrar em uma lista de atividades permitidas. Saiba quais.

Atividades permitidas

Microempreendedor Individual (MEI) é o profissional que trabalha por conta própria e que se legaliza como pequeno empresário. Para isso, é necessário faturar no máximo até R$ 60.000,00 por ano e não ter participação em outra empresa como sócio ou titular.

O MEI também pode ter um empregado contratado que receba o salário mínimo ou o piso da categoria.

Há muitas atividades e profissões que podem se enquadrar no regime de Microempreendedor Individual. 

Confira a lista completa com as atividades permitidas ao MEI

Atividades secundárias

O MEI pode ter mais do que uma ocupação ou atividade econômica conforme a Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAE).

Além da atividade principal, o MEI pode registrar até quinze ocupações para suas atividades secundárias. A cada ocupação registrada será atribuído um código de Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAE).

Voltar à página principal do Microempreendedor Individual

Fonte: Sebrae Nacional - 26/07/2016