OPORTUNIDADE DE NEGÓCIO

Negócios para público da melhor idade podem ser um bom empreendimento

Serviços voltados para promoção da saúde, lazer e bem-estar de idosos ganham destaque. O atendimento personalizado é valorizado pelos idosos.

  • Saúde

O aumento da expectativa de vida do brasileiro é um dos fatores que tornam promissores os negócios voltados para a terceira ou melhor idade. O sucesso de iniciativas que desejam explorar esse universo de potencialidades depende do conhecimento sobre as necessidades do público.

O perfil das pessoas com idade acima de 60 anos é bem diverso: engloba desde os senhores que jogam xadrez na praça e as senhoras que fazem tricô em casa até aqueles que viajam regularmente, frequentam academias de ginástica, submetem-se a procedimentos estéticos e consomem produtos e serviços altamente especializados.

Isso tem inquietado as empresas e estimulado a capacidade criativa e de adaptação às mudanças, características essenciais ao empreendedor de sucesso.

O perfil do público idoso

Ainda que formem grupo heterogêneo, os brasileiros da melhor idade têm costumes e hábitos semelhantes na hora de consumir: eles são mais ligados às tradições e não gostam de ambientes barulhentos.

Os idosos são atraídos por ofertas de produtos específicos às suas necessidades, além de privilegiarem o atendimento diferencial, independentemente do preço final que esse adicional custará.

Embora ainda exista a ideia de que o idoso é dependente financeiramente, a realidade tem se mostrado diferente: boa parte deles ainda é responsável pelo sustento da família, levando-os a continuar trabalhando depois da aposentadoria, ainda que em horário reduzido.

Nas horas livres, eles buscam exercer atividades que os estimulem a ter mais disposição física e desfrutar de momentos de lazer.

Saúde
  • Turismo e lazer

Negócios que oferecem produtos ou serviços para promoção da saúde e da qualidade de vida da terceira idade são os que ganham mais força nesse cenário. Os empresários preocupados com a capacitação profissional para lidar com esse público saem na frente da concorrência.

A personalização do atendimento aos idosos exige a oferta de serviços inovadores. Nesse sentido, academias de ginásticas e spas têm a oportunidade de ampliar o público atendido ou criar espaços específicos para direcionar a abertura do negócio.

O foco é criar ambiente que ofereça atividades físicas e de lazer, que propiciem a integração social com acompanhamento em tempo integral.

Também é importante oferecer serviços personalizados na área de reabilitação cognitiva, fisioterapia e reeducação alimentar. É essencial que, além da adaptação da estrutura física, o empreendimento monte equipe interdisciplinar com profissionais especializados e qualificados para lidar com esse público.

Clique aqui e conheça publicação do Sebrae que analisa a Feira Hospitalar 2014, evento de produtos para a saúde da América Latina.

Turismo e lazer
  • Saúde
  • Cuidadores

O atendimento personalizado para idosos tem movimentado o setor de turismo. Agências de viagem, em especial, são o tipo de negócio que mais conseguem vantagens. Mas o aspecto econômico não deve ser a única preocupação de quem deseja explorar o potencial do mercado.

As viagens devem incluir passeios a pontos turísticos com acompanhamento. O empresário deve ter conhecimento prévio do destino e analisar se ele atende às necessidades dos idosos. Por exemplo, verificar se há elevadores nos hotéis e se eles estão adaptados. Tudo isso para oferecer segurança aos hóspedes.

Atentar-se para os detalhes é o que criará a confiabilidade necessária ao sucesso do empreendimento.

Iniciativa do governo federal tem fomentado a área de turismo e lazer para os idosos. É o programa Viaja Mais Melhor Idade. Por meio dele, os brasileiros com idade acima de 60 anos, aposentados e pensionistas, obtêm descontos em hotéis, passagens, restaurantes e passeios turísticos em estabelecimentos conveniados, principalmente em baixa temporada. É um meio de oferecer pacotes com preços mais atrativos.

Cuidadores
  • Turismo e lazer

Para o empresário interessado em prestar serviços para a melhor idade, é importante superar as dificuldades na hora de encontrar mão de obra qualificada, especialmente para contratar profissionais acompanhantes. Investir em pessoal bem treinado é importante e viabiliza os negócios.

O acompanhante de idosos é um profissional diferente do empregado doméstico, ainda que muitas famílias confundam as atividades. O cuidador pode exercer a atividade em períodos específicos (durante a noite ou em atividades corriqueiras como ir ao supermercado) ou em regime de dedicação exclusiva (com acompanhamento em tempo integral). 

A atuação desse profissional abrange a residência do idoso ou clínicas e casas de repouso. Ao montar a equipe, o empresário deve buscar, além de capacitação, pessoas com perfil para o trabalho e que sejam dedicadas, que entendam o idoso como um ser pleno e autônomo.

Para saber como montar uma agência de cuidadores de idosos, clique aqui e confira dicas e informações úteis.

Leia mais

O conteúdo foi útil para você?

  • Sim
  • Não

Enviado com sucesso! Agradecemos sua ajuda.


Compartilhe: