Aqui ensinamos você a conduzir a gestão do seu negócio, além de indicar caminhos para melhorar resultados, entre outros pontos importantes.


Contato: 0800-570-0800
Público-alvo: Microempreendedor individual
Investimento: Gratuito

Aprimore-se e aumente a sua competitividade

O SEI Administrar foi feito para você que deseja aprender como gerir seu negócio, descobrir como melhorar os resultados, contornar e evitar problemas e também a desenvolver suas características como empreendedor. Tudo para traçar o caminho do seu negócio em direção ao sucesso.

São dois temas: "Aprender a Empreender" e "Aprender a Empreender – Serviços". Enquanto o primeiro atende os microempreendedores individuais de maneira geral, o segundo atua na área de serviços. O objetivo de ambos é aumentar seus conhecimentos, ensinando os princípios básicos de mercado, finanças e empreendedorismo.

Conheça os cursos

Curso online

O curso tem oito horas de duração, e pode ser completado em 15 dias.

Palestra

Conheça todos os benefícios de participar do SEI Administrar. Em apenas duas horas de palestra, você vai descobrir o quanto sua empresa pode aumentar os lucros.

Telessala

O "Aprender a Empreender" e o "Aprender a Empreender - Serviços" foram pensados para quem quer melhorar a administração de seu empreendimento. Nesses cursos, com carga horária de 24 horas cada um, você vai aprender por meio de uma telenovela sobre empreendedorismo, mercado, finanças, controles empresariais, plano de negócios e estabelecimento de metas.

Assista ao primeiro episódio de cada uma das telenovelas



Saiba mais

Veja nesses vídeos e áudios exemplos e orientações para o sucesso do seu empreendimento

Pequenos #SQN

Confira a série de programas preparados pelo Sebrae que mostra como microempreendedores individuais MEI desenvolveram seus negócios.

O negócio é o seguinte

Confira os episódios sobre como administrar melhor uma empresa e aprenda mais sobre o assunto:

O negócio é o seguinte (programa 41)

O MEI prestador de serviços Nei Gonzaga Soares fala sobre como contratar um colaborador.

O negócio é o seguinte (programa 41)

O negócio é o seguinte (programa 42)

Dario de Souza, MEI de São Carlos (SP), conta sua experiência como produtor de pamonhas e como aprendeu a dividir as tarefas de seu processo produtivo.

O negócio é o seguinte (programa 42)

O negócio é o seguinte (programa 43)

A MEI Deisiane Zorteia, de Curitiba, presta serviços de secretariado a distância e explica como é ter vários chefes ao mesmo tempo.

O negócio é o seguinte (programa 43)

O negócio é o seguinte (programa 44)

Regina de Souza, MEI de Petrópolis (RJ), faz artesanato e ensina como aproveitar bem o tempo de trabalho.

O negócio é o seguinte (programa 44)

O negócio é o seguinte (programa 45)

A MEI Antonia de Lima, de Brasília, tem uma escola de corte e costura e conta como o Sebrae ajudou a qualificar o seu serviço.

O negócio é o seguinte (programa 45)

O negócio é o seguinte (programa 46)

Almiro de Moraes, MEI de Curitiba (PR), utiliza as estratégias de marketing e faz sucesso com seu trabalho artesanal em madeira.

O negócio é o seguinte (programa 46)

O negócio é o seguinte (programa 47)

Cristiane Rodrigues é MEI em Mossoró (RN). Ela melhora constantemente a qualidade da salada de frutas que venda nas ruas para agradar aos clientes.

O negócio é o seguinte (programa 47)

O negócio é o seguinte (programa 48)

Conheça Josafá dos Santos, que tem uma sorveteria em Nova Cruz (RN) e sempre procura inovar na fabricação de seus produtos.

O negócio é o seguinte (programa 48)

O negócio é o seguinte (programa 49)

Agostinho Filho faz sites de empresas em Brasília e mostra como o boca a boca pode impulsionar negócios em estágio inicial.

O negócio é o seguinte (programa 49)

O negócio é o seguinte (programa 50)

Dani Chocolates é uma marca conhecida em Estância (SE). A MEI Daniele de Oliveira conta como se tornou referência na comunidade.

O negócio é o seguinte (programa 50)


  

Acesse a página principal das soluções SEI

Fonte: Sebrae Nacional