Para o Sebrae, eles podem ser divididos em quatro segmentos por faixa de faturamento, com exceção do pequeno produtor rural. Tal segmentação segue os critérios da Lei Complementar 123/2006, também chamada de Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas.

Resumidamente, os pequenos negócios são divididos da seguinte maneira:

  • Microempreendedor Individual - Faturamento anual até R$ 60 mil;
  • Microempresa - Faturamento anual até R$ 360 mil;
  • Empresa de Pequeno Porte - Faturamento anual entre R$ 360 mil e R$ 3,6 milhões;
  • Pequeno Produtor Rural - Propriedade com até 4 módulos fiscais ou faturamento anual de até R$ 3,6 milhões

A seguir, apresentam-se as definições mais detalhadas desses públicos e estudos e pesquisas relacionadas a eles.

Imagem
Os donos de negócio no Brasil: análise por sexo (2001-2014)

Este relatório tem como objetivo apresentar uma análise sobre o perfil das 7,9 milhões de mulheres que estavam à frente de um negócio no Brasil, em 2014.

Estudo sobre os Donos de Negócio no Brasil - Análise por sexo (2001-2014)

Veja o estudo anterior

Imagem
Os donos de negócio no Brasil: análise por raça/cor (2001-2014)

A pesquisa revela quem são os donos de negócio no país de acordo com a declaração de raça/cor.

Estudo sobre os donos de negócio no Brasil, segmentados por raça/cor (2001-2014)

Veja o estudo anterior

Imagem
Os donos de negócio no Brasil: análise por faixa etária (2001-2014)

O estudo apresenta as principais características dos empreendedores brasileiros segundo a idade.

Estudo sobre os Donos de Negócio no Brasil, análise por faixa etária (2001-2014)

Veja o estudo anterior

Imagem
Empresários, potenciais empresários e produtores rurais no Brasil

Estudo sobre os empresários, potenciais empresários e produtores rurais no Brasil.

Empresários, potenciais empresários e produtores rurais no Brasil (2009-2014)

Veja o estudo anterior

Imagem
Microempreendedor Individual

Figura criada com o principal objetivo de retirar da informalidade empreendedores com faturamento bruto de no máximo, R$ 60 mil ao ano. Saiba mais:

Estudos sobre o perfil do MEI

Imagem
Os donos de negócio no Brasil: análise por grau de informatização

Relatório mostra o nível de familiaridade de empreendedores brasileiros com o computador e acesso à internet.

Os donos de negócio no Brasil: análise por grau de informatização (2003-2013)

Imagem
Os donos de negócio no Brasil: análise por faixa de renda

Pesquisa identifica os empreendedores brasileiros conforme o rendimento mensal.

Os donos de negócio no Brasil: análise por faixa de renda (2003-2013)

Imagem
Os donos de negócio no Brasil: análise por faixa de escolaridade

O estudo analisa o grau de formação educacional dos empreendedores brasileiros.

Os donos de negócio no Brasil: análise por faixa de escolaridade (2003-2013)

Imagem
Empresários da indústria, construção, comércio e serviços no Brasil

Análise sobre as principais informações disponibilizadas pelo IBGE sobre os seis milhões de donos de negócio existentes no Brasil em 2013.

Empresários da indústria, construção, comércio e serviços no Brasil (2003-2013)

Veja o estudo anterior

Imagem
Os donos de negócio no Brasil, por regiões e UFs

A publicação traz comparações e aproximações entre os negócios nos estados brasileiros.

Estudo sobre os Donos de Negócio no Brasil, por Regiões e Unidades da Federação

Imagem
A evolução das microempresas e empresas de pequeno porte

O estudo analisa o faturamento médio real das ME e EPP optantes pelo Simples Nacional, além da quantidade de emprego gerado no período de 2009 a 2012.

Acesse a pesquisa completa

Imagem
Produtor Rural

Os clientes do Sebrae também se encontram no meio rural. Esse segmento apresenta maiores especificidades devido a localização e ao tipo de negócio.

Estudo sobre o produtor rural

Imagem
Empresa de Pequeno Porte

A Empresa de Pequeno Porte (EPP) é um empreendimento com faturamento bruto anual entre R$ R$ 360 mil e R$ 3,6 milhões. Saiba mais:

As pequenas empresas

Imagem
Análise do segmento de empreendedores individuais (2009)

O documento traz uma análise sobre os potenciais Microempreendedores Individuais, ou os “Conta-própria. Saiba mais na pesquisa:

Análise do segmento de empreendedores individuais (2009)