DIAGNÓSTICO EMPRESARIAL

Programa de ação empresarial visa aprimorar serralherias

Projeto Serralheiros habilita donos de negócio do setor a planejar o empreendimento, proporcionando aumento no lucro e na qualidade do trabalho.

O que é

O Projeto Serralheiros procura capacitar donos de empreendimentos de pequeno porte do segmento de serralheria em gestão empresarial.

Ao participar da iniciativa, os serralheiros têm a oportunidade de aprender a administrar o negócio, conhecendo ferramentas básicas como fluxo de caixa, formação de preço, fidelização de clientes, segurança no trabalho e outras que, caso sejam adotadas, podem melhorar significativamente os resultados da empresa.

O projeto busca, assim, aumentar o faturamento das empresas, a quantidade de postos de trabalho, o consumo de matéria-prima (aço) e a eficiência comercial, já que a serralheria é um setor de alta competitividade e um importante elo da cadeia produtiva da construção civil.

Onde está disponível

O programa começou de forma experimental em 2007, na cidade de Araraquara, em São Paulo, com o objetivo de identificar as dificuldades de crescimento de um grupo de serralheiros da região. A experiência foi utilizada também pelo Sebrae-RS em 2011 e 2012, na região metropolitana de Porto Alegre e em Santa Maria.

Oficialmente, o projeto foi dividido em duas fases de implementação. Na primeira, que ocorreu de 2012 até o início de 2015, seis estados já colocaram a ideia em prática (Ceará, Distrito Federal, Mato GrossoParaná, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul) e 420 empresas foram atendidas.

Na segunda etapa, a ser iniciada em 2015, os estados contemplados são: Acre, Amazonas, Espírito Santo, Minas Gerais, Pernambuco, Piauí e Santa Catarina. Entre eles, já se encontram em implantação as ações no Acre e em Santa Catarina. Até o final de 2015 os outros estados listados terão suas atividades iniciadas.

Para dar início ao projeto nos estados, o Sebrae, em parceria com a Gerdau, convida serralheiros da região a participar de uma palestra de apresentação do programa e dos benefícios associados à adesão dos empresários.

Métodos de capacitação

Os serralheiros donos de negócios que decidirem participar da iniciativa passam pelo Diagnóstico MPE, a fim de terem suas demandas de bens e serviços mapeadas, sua capacidade empreendedora mensurada e seu nível de competitividade medido.

Com o diagnóstico elaborado, consultores do Sebrae definem um plano de ação específico, com treinamentos voltados para atender as necessidades do empreendimento.

Na última etapa do ciclo, após os cursos e as oficinas presenciais, é feita uma avaliação da evolução da capacidade de gestão dos serralheiros, para ver se os ensinamentos estão sendo aplicados de maneira eficaz no dia a dia da empresa.

O conteúdo foi útil para você?

  • Sim
  • Não

Enviado com sucesso! Agradecemos sua ajuda.


Compartilhe: