ESTRATÉGIA DE MERCADO

Exposição Serra da Capivara – Homem e Terra

Mostra ficará aberta ao público até o dia 20 de janeiro de 2018, no CRAB, no Rio de Janeiro

A exposição

A Exposição Serra da Capivara – Homem e Terra tem o objetivo de mostrar de forma lúdica e artística a Serra da Capivara em toda sua beleza e relevância: a natureza, os sítios arqueológicos com inscrições rupestres que são alvo de pesquisas e também tema recorrente dos artesãos ceramistas da região. Apesar de ser Patrimônio Cultural da Humanidade e ter reconhecimento internacional pela importância das descobertas arqueológicas, que levaram a redesenhar a história do Homem Americano, a Serra da Capivara é desconhecida por grande parte da população brasileira.

Recriar este cenário da Serra da Capivara e apresentar a cerâmica tradicional local, acrescida de peças em novas e ampliadas dimensões, num espaço de tamanha visibilidade como Centro Sebrae de Referência do Artesanato Brasileiro (CRAB), propiciará maior divulgação para a Serra da Capivara, tanto pelos atrativos naturais únicos, como pela importância de suas inscrições rupestres e também pela produção artesanal diferenciada, criatividade, qualidade e identificação com desenhos e outros achados arqueológicos, estimulando assim o público a visitar o Parque Nacional da Serra da Capivara, o Museu do Homem Americano e a unidade produtiva de cerâmica, possibilitando disseminação, apoio e geração de renda para os artesãos de São Raimundo Nonato, Coronel José Dias e região.

O evento é uma realização do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas, Sebrae no Piauí e CRAB, em parceria com o Sebrae Nacional e apoio do Governo do Estado do Piauí; Fundação Museu do Homem Americano, Fumdham; Ministério da Cultura, através do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, Iphan; Cerâmica Serra da Capivara, Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade, ICMBio, ligado ao Ministério do Meio Ambiente; Sebrae no Rio de Janeiro e Governo Federal.

Curadoria

A curadoria, realizada pelo designer de artesanato e tecelão, Renato Imbroisi, apresentará o Parque Nacional da Serra da Capivara, do Piauí, com suas numerosas inscrições rupestres e a cerâmica produzida de forma artesanal por moradores da região que utilizam, como referência icônica e gráfica, os desenhos pré-históricos inscritos nas paredes rochosas da Serra.

A cenografia recria a Serra nos espaços expositivos, levando o visitante a uma viagem sensorial, uma imersão na Serra da Capivara. Sua relevância se deve também ao fato de os achados arqueológicos terem levado à modificação da História do Homem Americano, que já vivia neste sítio milhões de anos antes do que se acreditava até então. A exposição terá também a exibição de filmes, documentário, textos explicativos e cenários para o visitante mergulhar nesta paisagem e neste conteúdo histórico essencial à compreensão da trajetória humana em nosso país e continente.

As peças

As inspirações para o desenvolvimento das peças da exposição com design inovador surgem a partir da natureza e da história que a Serra da Capivara possui. Desde a história do parque, da arqueologia, da fauna, da flora e do conhecimento dos artesãos na escultura, nos desenhos e até mesmo na maneira de fazer a cor do barro estarão representados na mostra que prioriza o saber individual. Por isso a denominação ”Serra da Capivara: Homem e Terra”.

As 500 peças piauienses que serão expostas no CRAB vão possibilitar ao visitante a experiência de estar no ambiente na fábrica de peças artesanais de cerâmica da Serra da Capivara, do município de Coronel José Dias. Nela ficarão expostas as coleções atuais e as antigas.

 

Conceito

A exposição Serra da Capivara – Homem e Terra recria nas salas do CRAB, por meio de técnicas cenográficas, arquitetônicas e tecnológicas, o ambiente da Serra da Capivara, com suas antigas formações rochosas onde foram encontradas inscrições rupestres pintadas ou entalhadas na pedra, além de objetos e ossadas em centenas de sítios arqueológicos de grande relevância, ao mesmo tempo em que mostra a cerâmica artesanal produzida pelos artesãos locais, em suas peças tradicionais e também objetos feitos em dimensões compatíveis com o espaço expositivo, desenvolvidos numa parceria produtiva entre artesãos e o designer curador, levando o visitante a uma viagem virtual pela Serra da Capivara com escalas no artesanato de cerâmica.

Serra da Capivara – Homem e Terra refere-se ao nome do Parque Nacional Serra da Capivara, um lugar incrivelmente belo, formado por cerca de 1200 sítios arqueológicos, na proximidade da pequena cidade de São Raimundo Nonato, no Piauí. Neste incrível cenário, o homem vive e convive com sua terra,tem sua História marcada nas rochas e hoje produz, com o barro desta terra, excelentes e lindas peças de cerâmica. O homem desta terra sabe valorizá-la e de forma sustentável, gerar renda.

O local

O Centro Sebrae de Referência do Artesanato Brasileiro (CRAB) é uma plataforma mercadológica para o reposicionamento e a qualificação do artesanato brasileiro, transformando-o em objeto de desejo e consumo e, consequentemente, aumentando seu valor de mercado.

O CRAB desenvolve suas ações por meio de diversas formas de relacionamento com o público, respeitando os hábitos, os gostos e a própria natureza do artesanato. O conceito base vem do tripé emoção, conhecimento e comercialização, que, integrados, levam em conta novas conexões, novos modos de viver e apreender o artesanato.

Como expressão criativa brasileira, o artesanato é visto em conexão e diálogo com outros segmentos da economia criativa como o design, as artes, a moda e a cultura. Trazer à luz a marca “Artesanato Brasileiro” como referência mundial de qualidade é o propósito maior do CRAB.

O público alvo do projeto é formado por empreendedores do setor de artesanato que trabalham com artesanato de cerâmica e outras tipologias nos municípios de São Raimundo Nonato, Coronel José Dias e região. Além disso, a exposição pretende atrair público de todas as idades, graças a experiência lúdica de imersão no ambiente da Serra da Capivara e, em especial, estudantes e profissionais das áreas de turismo, história, arqueologia, geografia, design, artesanato, cerâmica e outras tipologias, comerciantes de artesanato brasileiro.

 

Como chegar

O conteúdo foi útil para você?

  • Sim
  • Não

Enviado com sucesso! Agradecemos sua ajuda.


Compartilhe: