Você já ouviu falar sobre giro de estoque? É um método de análise de desempenho que, por meio de um cálculo simples, ajuda o comerciante a ter uma ideia de como anda a organização do seu estoque e se o planejamento de gastos está tendo um bom resultado.

Por exemplo, é possível descobrir se toda a quantidade comprada de  peças: camisetas, vestidos, calça entre outros, está sendo bem utilizada e aproveitada. Além disso, auxilia a verificar se as peças confeccionadas estão tendo uma boa saída de vendas e, caso contrário, a pensar no que fazer diferente. O giro de estoque é uma forma indireta de saber como o seu produto está sendo consumido e recebido pelo seu público-alvo.

Para fazer o seu cálculo é bem simples. Você precisa definir o período de tempo que quer abranger e contar o número de mercadorias vendidas durante esse período. Depois disso, precisa determinar o volume médio do estoque durante esse mesmo espaço de tempo. A partir daí, divida o primeiro valor pelo segundo. Assim:

Para aumentar seu giro de estoque, procure conhecer seu público-alvo, fazer promoções (aproveitando também datas comemorativas) e ter um sistema de gerenciamento de estoque.

Promoção não é necessariamente o mesmo que queima de estoque. A primeira tem como objetivo aumentar o volume de vendas de um produto ou serviço, por um tempo determinado.  A promoção pode ser uma maneira de incentivar clientes antigos a continuarem consumindo, além de manter e recompensar consumidores fiéis. Já a queima de estoque tem o objetivo de estimular o giro de produtos, acabando com o excesso de mercadoria paradas. Ambas as ações trazem vantagens, como: 

  • Uma nova forma de atrair clientes é apresentar novos produtos.
  • Aumentar a frequência das compras.
  • Construir um relacionamento com os consumidores.
  • Gerar compras múltiplas.

Aplicando essa técnica, as chances de os seus produtos ficarem presos na prateleira são poucas, pois o ritmo com que seus clientes compram suas mercadorias vai ditar a necessidade de compra e venda de novas peças. A possibilidade de economia com espaço de armazenamento também é uma vantagem, pois, se a rotatividade de produtos for alta, menos itens ficam parados no estoque, liberando espaço e diminuindo custos de armazenagem.

 

kkkkkk

Além do cálculo de giro de estoque, existem outras técnicas que podem te ajudar na gestão, no controle e na organização do seu estoque.

Que tal continuar explorando?