ac am rr pa ap ma pi ce rn pb pe al se ba to mt ro ms go df mg es rj sp pr sc rs
  • RSRio Grande do Sul
  • SCSanta Catarina
  • PRParaná
  • SPSão Paulo
  • MSMato Grosso do Sul
  • RJRio de Janeiro
  • ESEspírito Santo
  • MGMinas Gerais
  • GOGoiás
  • DFDistrito Federal
  • BABahia
  • MTMato Grosso
  • RORondônia
  • ACAcre
  • AMAmazonas
  • RRRoraima
  • PAPará
  • APAmapá
  • MAMaranhão
  • TOTocantins
  • SESergipe
  • ALAlagoas
  • PEPernambuco
  • PBParaíba
  • RNRio Grande do Norte
  • CECeará
  • PIPiauí
menu Sebrae

Cursos e Eventos

Cursos e eventos do seu estado

Confira a programação do Sebrae no seu estado e inscreva-se já.

Cursos Online

Matricule-se nos cursos online 100% gratuitos e estude sem sair de casa.

Wed Jul 29 10:21:51 GMT-03:00 2020
Empreendedorismo
Como os pequenos negócios podem enfrentar os desafios do coronavírus?
Com a pandemia do COVID-19 pequenos negócios precisam cuidar da saúde das pessoas e da empresa.

A pandemia do COVID-19 declarada pela Organização Mundial da Saúde – OMS provocou impactos importantes sobre os pequenos negócios. Há desafios na perspectiva da saúde dos negócios e na saúde dos colaboradores e clientes.

Negócios mais impactados com as medidas de prevenção estabelecidas pelas autoridades

Diversos estados e municípios publicaram decretos que suspenderam ou regulamentaram o funcionamento de alguns estabelecimentos comerciais. Com isso foi possível destacar algumas atividades econômicas com impactos imediatos.

1 – Academias de ginásticas

Decretos e restrições em grandes capitais já determinam a interrupção de serviços.

2 – Restaurantes e bares

Decretos e restrições em estados e nas grandes capitais determinam a interrupção de alguns serviços e distâncias maiores entre mesas.

3 – Negócios do Turismo

Com as restrições no transporte de passageiros há o impacto na cadeia de negócios do turismo como hospedagens, atrações e alimentação fora do lar.

4 – Motoristas de aplicativos como o UBER

Com o home office e interrupções de alguns serviços, os motoristas de aplicativos como UBER e 99 já sentiram a diminuição das demandas.

5 – Salões de beleza

Salões e barbearias já oferecem serviços delivery aos clientes para que não ocorra a diminuição da frequência dos serviços. 

6 – Varejo em geral

Nas grandes cidades há aumento de demanda em lojas como farmácias e mercados, mas papelarias e moda já sentem diminuição de clientes.

7 – Serviços porta a porta

O hábito de isolamento dos consumidores reflete a rejeição de ofertas desse tipo.

8 – Feiras e eventos

Feiras e eventos proporcionam aglomerações de pessoas e nas grandes cidades o poder público já desautoriza atividades semelhantes.

9 – Shows, cinemas e exposições

Shows, cinemas e exposições proporcionam aglomerações de pessoas e nas grandes cidades o poder público já desautoriza atividades semelhantes.

10 – Serviços educacionais – cursos e escolas

Cursos e escolas já são alvos de decretos que suspendem atividades. Suscitam dúvidas sobre suspensão de contratos ou devolução de mensalidades.

Acompanhe notícias, ideias e discussões para cada atividade econômica na Comunidade do Sebrae Respostas

Papel dos pequenos negócios na prevenção do coronavírus

Colaboradores da empresa

Cuidar da saúde de colaboradores e clientes é o primeiro passo para os empresários colaborarem na prevenção ao COVID-19.

Recomenda-se aos funcionários que apresentam sintomas de doença respiratória aguda que fiquem em casa e não compareçam ao trabalho até estarem livres de febre, sinais de febre e outros sintomas para pelo menos 24 horas, sem o uso de medicamentos para reduzir a febre ou outros medicamentos que alteram os sintomas (por exemplo, supressores da tosse).  

Garanta que suas políticas de licença médica sejam flexíveis e consistentes com as diretrizes de saúde pública e que os funcionários estejam cientes dessas políticas. 

Converse sobre a importância de os funcionários doentes ficarem em casa e incentive-os a desenvolver políticas de licença não punitiva. 

Os empregadores devem manter políticas flexíveis que permitam que os funcionários fiquem em casa para cuidar de um membro da família doente. 

Instrua os funcionários a limpar as mãos frequentemente com um desinfetante para as mãos à base de álcool que contenha pelo menos 60-95% de álcool ou lave as mãos com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Sabão e água devem ser usados preferencialmente se as mãos estiverem visivelmente sujas. 

Estabeleça um processo de comunicação em situações de crise para se comunicar claramente com os funcionários sobre questões de risco de infecção (por exemplo, disseminar fatos sobre vírus de fontes confiáveis);    

Disponibilizar material informativo para os colaboradores a respeito dos cuidados que eles devem tomar para reduzir a probabilidade de contágio.  

Ofereça suporte aos colaboradores.    

Ambientes da empresa 

Coloque cartazes que incentivem os colaboradores a ficar em casa quando estiver doente, etiqueta para tossir e espirrar e higiene das mãos na entrada do local de trabalho e em outras áreas onde provavelmente serão vistos.  

Forneça lenços e recipientes para descarte sem toque para uso dos funcionários. 

Forneça água e sabão no local de trabalho e disponibilize álcool gel 70% (o mais recomendado) em lugares de grande movimentação de clientes e colaboradores.  

Forneça toalhetes descartáveis para que as superfícies mais usadas (por exemplo, maçanetas, teclados, controles remotos, mesas) possam ser limpas pelos funcionários antes de cada uso. 

Intensifique o uso de equipamentos de proteção individual para as linhas de produção que operam em mercados afetados (por exemplo, óculos, luvas e máscaras).  

Limpe rotineiramente todas as superfícies tocadas com frequência no local de trabalho, como estações de trabalho, bancadas e maçanetas. Use os agentes de limpeza geralmente usados nessas áreas e siga as instruções na etiqueta. 

Manter as áreas de trabalho ventiladas, se possível, com janelas abertas e ar-condicionado desligado.  

Superfícies (mesas, linhas de produção, telefones, etc) devem ser constantemente higienizados com desinfetantes.  

Verifique se os suprimentos adequados são mantidos. Realize limpeza ambiental de rotina.  

Se os colaboradores podem exerceras atividades de casa, essa é a recomendação das autoridades sanitárias.

Substitua reuniões físicas por reuniões digitais. Use ferramentas como Skype, Google Hangout, Whatsapp e outras para reuniões. Há diversas opções gratuitas.

Planejamento

Realize o planejamento de cenários para entender as implicações financeiras e operacionais em paradas prolongadas. 

Digitalize processos e ferramentas para integrar planejamento, demanda, suprimento e capacidade de produção e entrega. 

Os empregadores devem planejar monitorar e responder ao absenteísmo no local de trabalho. Implemente planos para continuar suas funções essenciais de negócios, caso você sofra absenteísmo superior ao normal. 

Treine o pessoal para desempenhar funções essenciais, de modo que o local de trabalho possa operar mesmo que os principais funcionários estejam ausentes. 

Avalie suas funções essenciais e a confiança que outras pessoas e a comunidade têm em seus serviços ou produtos.  

Esteja preparado para alterar suas práticas de negócios, se necessário, para manter operações críticas (por exemplo, identificar fornecedores alternativos, priorizar clientes ou suspender temporariamente algumas de suas operações, se necessário). 

Marketing e Comunicação

É fundamental se comunicar abertamente com funcionários e com seus clientes não é diferente. Dissemine o status de suas operações, quais medidas de proteção você implementou e como elas (como clientes) serão protegidas quando os clientes visitarem seus negócios. Você deve dar orientações também a seus clientes em como frequentarem os locais, para que se sintam mais seguros. 

Atuação no digital é oportunidade para pequenos negócios em tempo de coronavírus

Potencialize a sua atuação no digital. Consumidores em casa terão mais tempo e necessidades para compras e contratações online.

Avalie sua presença digital e esteja nos principais canais digitais como Google Maps, classificados, e-commerce e redes sociais.

Saiba mais em Canais Digitais

Aproveite para aprender a usar as ferramentas digitais a favor do seu negócio com cursos online e gratuitos do Sebrae

 

Acompanhe dicas nas redes sociais

Fique ligado em diversas LIVES que o Sebrae está proporcionando nos próximos dias sobre o coronavírus. Confira o último:

 

Compartilhar
Favoritar

    Salvo na lista de favoritos

O conteúdo foi útil para você?

Conteúdo relacionado

Fale com o Sebrae

Converse online, por chat ou email, com os técnicos do Sebrae
para tirar dúvidas e receber orientações sobre o seu negócio.
É gratuito!

Converse agora