ac am rr pa ap ma pi ce rn pb pe al se ba to mt ro ms go df mg es rj sp pr sc rs
  • RSRio Grande do Sul
  • SCSanta Catarina
  • PRParaná
  • SPSão Paulo
  • MSMato Grosso do Sul
  • RJRio de Janeiro
  • ESEspírito Santo
  • MGMinas Gerais
  • GOGoiás
  • DFDistrito Federal
  • BABahia
  • MTMato Grosso
  • RORondônia
  • ACAcre
  • AMAmazonas
  • RRRoraima
  • PAPará
  • APAmapá
  • MAMaranhão
  • TOTocantins
  • SESergipe
  • ALAlagoas
  • PEPernambuco
  • PBParaíba
  • RNRio Grande do Norte
  • CECeará
  • PIPiauí
menu Sebrae

Cursos e Eventos

Cursos e Eventos presenciais

Confira a programação do Sebrae no seu estado e inscreva-se já.

Cursos Online

Matricule-se nos cursos online 100% gratuitos e estude sem sair de casa.

Wed Feb 26 16:14:01 GMT-03:00 2020
Empreendedorismo
Educação financeira para adolescentes e jovens
Em parceria com a CONEF o Sebrae apoia iniciativas para estimular o controle financeiro pessoal e futuramente nos empreendimentos de jovem e adolescentes.

É certo que não é rotina de boa parte das famílias brasileiras falar sobre dinheiro e seu uso devido – muitas famílias, inclusive, não abordam esse assunto por serem desprovidas de recursos.

Sem pretender analisar ou abordar a concentração de riquezas e a distribuição delas na sociedade brasileira, o fato é que se observa o crescente número de jovens que ascende endividado à vida adulta.

Com este cenário e com o propósito de trabalhar a inserção da educação financeira no cotidiano de jovens, o Sebrae tem se preocupado em contribuir com uma formação mais realista de como se lidar com os recursos que se conquista.

Nesse sentido, o PNEE – Programa Nacional de Educação Empreendedora – criado em 2013, pelo Sebrae, tem ampliado suas estratégias com os jovens da educação formal que já atende, nas parcerias estabelecidas com os sistemas públicos e privados de ensino, oportunizando a eles o acesso a materiais de Educação Financeira. Isso porque esse tema é de fundamental importância na formação de potenciais empreendedores.

Para tanto, buscou-se parcerias com instituições que já tenham ações consolidadas nessa temática, como é o caso do CONEF – Comitê Nacional de Educação Financeira -   vinculado ao Banco Central e que disponibiliza produtos e serviços que atendem a formação de potenciais empreendedores.

Esta iniciativa vai ao encontro do propósito do Sebrae de contribuir com a formação de potenciais empreendedores. Assim, o Programa Nacional de Educação Financeira nas Escolas, uma ação que faz parte da Estratégia Nacional de Educação Financeira - ENEF, instituída pelo Decreto no 7.397, de 22 de dezembro de 2010 e já consolidado em várias partes do país, pode ser ampliado para as parcerias já estabelecidas pelos Sebrae UF, desde 2017. 

Para tanto, haverá todo um esforço para que sejam desenvolvidas as capacidades de compreensão da importância da educação financeira para a concretude do futuro desejado; o conhecimento de instrumentos básicos de controle e organização das finanças pessoais; a reflexão sobre suas atitudes e comportamentos em relação à educação financeira; a tomada de consciência da sua situação financeira atual; a predisposição para revisar as ações do presente e os seus reflexos no futuro desejado e o reconhecimento da importância da autonomia financeira.

Além de todas essas capacidades que se pretende desenvolver nessa parceria do Sebrae, CONEF e instituições de ensino, os potenciais empreendedores ainda podem aprender como organizar as finanças pessoais tendo em vista as metas pessoais; a planejar ações que o auxiliem na conquista de suas metas pessoais e a diagnosticar fatores desperdiçadores de recursos e eliminá-los. 

Os materiais disponibilizados por meio das parcerias estabelecidas tendem a potencializar a consciência da importância da temática tanto para o público atendido, mas, também, para os educadores que são capacitados na temática.

O que se acredita, é que a médio prazo a tendência é de um aumento da responsabilidade financeira de milhares de pessoas, em um trabalho de rede, tendo em vista que ele tende a ser incorporado pelos familiares.

Vale ressaltar que são materiais didáticos simples, mas elaborados com toda a responsabilidade por técnicos da área, mas com o olhar pedagógico de educadores que sabem o tom que deve ser dado de acordo com a faixa etária a ser atendida:

  • Palestra “Gestão de Finanças Pessoais”:
  • Série “Eu e meu dinheiro”:
  • Materiais Didáticos do Programa Educação Financeira nas Escolas do CONEF

Além desse material para as parcerias do PNEE, foi desenvolvido, também, um workshop de 12 horas, pelo Sebrae, a fim de ser trabalhado no Projeto Sebrae Aprendiz Empreendedor que tem como princípios uma abordagem de educação financeira focada em:

  • Disciplina
  • Consumo Consciente
  • Visão de Futuro

O propósito maior está na reflexão sobre ações e na experimentação de novos comportamentos que gerem independência e autoconfiança na forma de condução da vida de cada Aprendiz.

O Sebrae assume, assim, sua responsabilidade com a formação de uma geração que tenha essa temática constituída e construída na sua vida, visando o exercício cidadão e o consumo consciente, além da capacidade de empreender com mais sustentabilidade.

 

Autora: Vânia Rego
 Mestra em Educação pela UnB, na área de confluência Gestão e Políticas Públicas, Professora da SEEDF, Sócia Fundadora do Centro de Educação Paulo Freire de Ceilândia e Mãe pela Diversidade.
Compartilhar
Favoritar

    Salvo na lista de favoritos

O conteúdo foi útil para você?

Conteúdo relacionado

Converse online com o Sebrae

Tire suas dúvidas em tempo real e receba dicas sobre os seus negócios
diretamente dos nossos especialistas em pequenas e microempresas.
Um serviço gratuito para você.

Converse agora