this is an h1

this is an h2

Tue Aug 09 17:02:43 BRT 2022
Pessoas | RECRUTAMENTO DE PESSOAL
Recrutamento e Seleção, como fazer direito?

Conheça os pontos positivos e negativos de se recrutar candidatos dentro e fora da empresa.

· 06/12/2013 · Atualizado em 09/08/2022
Imagem de destaque do artigo

Quando estamos diante de primeiras experiências para recrutar e selecionar pessoas para nossa empresa, nos deparamos com algumas dúvidas e em quais estratégias devemos adotar para o êxito do trabalho. É absolutamente natural que primeiramente possamos pensar nas opções de recrutamento interno ou externo, para depois executar a segunda etapa, seleção de pessoas. 

Por onde começamos?

Diante essa dúvida, precisamos ter sempre o foco no objetivo e na referência, de atrair os melhores candidatos, potencialmente qualificados e capazes de ocupar ao cargo em aberto na empresa. É muito importante ter o delineamento do perfil desejado, baseado nas tarefas do cargo. Para isso, existem ferramentas específicas que devemos utilizar, como o “mapa da trajetória”. Após essa etapa, fazer a escolha assertiva na opção adequada para a busca do candidato, que também, deve ser baseado na qualificação exigida. 

Quando optamos por um recrutamento interno

Obtemos vantagens, com recrutamento interno, em propiciar maior fidelidade à organização com a retenção de talentos, manter a motivação dos colaboradores pela oportunidade de crescimento, efetuamos delineamento de perfil mais assertivo e há menor custo para a empresa, em comparação ao recrutamento externo. 

Por um outro lado, podemos impedir que novos pontos de vista e ideias inovadoras possam ocorrer, mantendo também, a cultura organizacional estática. Normalmente, essa opção de recrutamento interno, requer um programa de desenvolvimento e treinamento para execução do novo cargo ao pretendente à vaga, mantendo um sistema fechado de reciclagem na empresa.

E quanto ao recrutamento externo?   

Existem vantagens e desvantagens, como já citados acima. Com mais ênfase, temos certeza de que enriquece o patrimônio humano pelo aporte de novos talentos e aumenta o capital intelectual com novos conhecimentos. Também é mais oneroso, em termos financeiros e administração do tempo que despende. 

Quando chegamos na etapa da seleção de pessoal

Escolher entre os candidatos que se apresentam, precisamos avaliar as competências. Os recursos de avaliação aos candidatos, devem ser assertivos, exigindo posteriormente menor treinamento e tempo de adaptação, maior produtividade e eficiência na performance.

Com esse resultado, obtemos colaboradores mais satisfeitos, entrosados com a empresa, que permanecem por mais tempo e com maior motivação. É importante utilizar recursos técnicos, ferramentas adequadas e atualizadas para seleção de pessoas. 

Ferramentas para seleção de pessoas

Entre as mais utilizadas, estão as entrevistas diretivas e de análise comportamental, provas de conhecimentos ou de capacidade, software de análise comportamental, testes psicológicos, análise de perfil em redes sociais e dinâmicas de grupo. A escolha das ferramentas, devem estar alinhadas ao perfil e competências necessárias ao cargo.

É importante salientar, o profissional que executar essa função, deverá estar apto e preferencialmente ter conhecimento, experiência e prática, tanto para escolha das ferramentas, como também, para análise de perfil e competências dos candidatos. 

“Um profissional de alta performance, busca a excelência constantemente!”


O conteúdo foi útil pra você? Sim Não
Obrigado!

Foi um prazer te ajudar :)

Precisa de ajuda?

Nós temos especialistas prontos para atender você e o seu negócio de forma online e gratuita.

Acesse agora