ac am rr pa ap ma pi ce rn pb pe al se ba to mt ro ms go df mg es rj sp pr sc rs
  • RSRio Grande do Sul
  • SCSanta Catarina
  • PRParaná
  • SPSão Paulo
  • MSMato Grosso do Sul
  • RJRio de Janeiro
  • ESEspírito Santo
  • MGMinas Gerais
  • GOGoiás
  • DFDistrito Federal
  • BABahia
  • MTMato Grosso
  • RORondônia
  • ACAcre
  • AMAmazonas
  • RRRoraima
  • PAPará
  • APAmapá
  • MAMaranhão
  • TOTocantins
  • SESergipe
  • ALAlagoas
  • PEPernambuco
  • PBParaíba
  • RNRio Grande do Norte
  • CECeará
  • PIPiauí
menu Sebrae

Cursos e Eventos

Cursos e Eventos presenciais

Confira a programação do Sebrae no seu estado e inscreva-se já.

Cursos Online

Matricule-se nos cursos online 100% gratuitos e estude sem sair de casa.

Wed Jul 29 09:36:05 GMT-03:00 2020
Leis
Sebrae e CNM criam canal com boas práticas de municípios durante crise
As duas instituições se unem para que exemplos de apoio de prefeituras aos pequenos negócios sejam expandidos.

Em meio à crise causada pela pandemia do coronavírus, diversos municípios, em todo o país, estão dando exemplos de como aquecer a economia ao apoiar os pequenos negócios.

Incentivar as prefeituras a priorizar as compras públicas de micro e pequenas empresas é uma das principais medidas recomendadas pelo Sebrae e a Confederação Nacional dos Municípios (CNM) para ajudar os empreendedores brasileiros nesse momento em que as vendas estão em queda por conta das medidas de isolamento recomendas pelas autoridades de saúde.

Por isso as duas instituições lançaram um plano de propostas nas áreas epidemiológica, social e de crédito, voltadas para os pequenos negócios.

“A economia dos municípios passa diretamente pelos pequenos negócios e eles representam 99% das empresas brasileiras e 54% dos empregos do país”, observa o presidente do Sebrae, Carlos Melles. “Mais do que nunca é de extrema importância apoiar a micro e pequena empresa local, o mercadinho do bairro, a farmácia da rua, o petshop da região, orgânicos do mercado produtor”, ressalta Melles, lembrando que o Sebrae, desde o início da crise, tem se colocado ao lado dos empreendedores para apoiar a redução de custos, orientar medidas dos governos e fortalecer a transformação digital.

Uma das medidas incentivadas pelo Sebrae e CNM é que as prefeituras difundam as boas práticas que estão sendo adotadas para ajudar os pequenos negócios a enfrentar a crise. Para isso, foi criada uma plataforma que vai receber e divulgar essas ideias. “Queremos conhecer e ajudar na difusão desses bons exemplos”, observa o analista de Políticas Públicas do Sebrae, Paulo Miota.

O Sebrae e a CNM criaram um informativo reunindo diversas iniciativas, inclusive em relação à legislação, que vários municípios estão adotando para enfrentar a crise e apoiar a micro e pequenas empresas. O canal foi elaborado para apoiar as prefeituras na tomada de decisões relacionadas com a gestão municipal, focadas no enfrentamento à pandemia do covid-19.

“Neste momento, o Sistema Sebrae e o Movimento Municipalista se uniram de forma ainda mais forte para construir uma grande rede de compartilhamento das melhores ações para mitigar os impactos da doença”, explica Melles.

Exemplo paulista

Um dos exemplos já identificados está sendo adotado pela prefeitura de São Caetano do Sul, no ABC paulista, onde o município já adotou em torno de 70 medidas que estão beneficiando principalmente os pequenos negócios e movimentando a economia local.

“O nosso foco principal é manter os empregos”, afirma o secretário de Finanças da cidade, Jefferson Ciene. Ele explicou que o município adotou diversas ações que envolvem todas as áreas, inclusive fiscais, mas todas passam pela manutenção dos empregos pelas empresas. A próxima meta, conforme Ciene, é facilitar o acesso ao microcrédito pelas pequenas empresas e Microempreendedores Individuais (MEI), com recursos do próprio município.

Compartilhar
Favoritar

    Salvo na lista de favoritos

O conteúdo foi útil para você?

Conteúdo relacionado

Fale com o Sebrae

Converse online, por chat ou email, com os técnicos do Sebrae
para tirar dúvidas e receber orientações sobre o seu negócio.
É gratuito!

Converse agora