TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

Indústria da Tecnologia da Informação e Comunicação

Relatório setorial mostra que no setor de TICs, não basta que os produtos sejam inovadores, é importante que se tornem padrão de mercado.

O setor de Tecnologia da Informação e Comunicação (TICs) apresenta características ambíguas no Brasil. Por um lado, possui indicadores de inovação e de esforço tecnológico mais elevados que a média do setor industrial. Possui também taxas de inovação mais altas que a de países como França, Itália e Espanha.

Por outro lado, o setor apresenta duas fraquezas estruturais, que têm relação entre si. Em primeiro lugar, existe uma forte dependência da importação de componentes eletrônicos, que têm importância crescente no valor agregado dos produtos.

Em segundo lugar, as firmas brasileiras estão alijadas – mesmo como coadjuvantes - da determinação dos novos padrões tecnológicos que caracterizam a indústria, que é feita por meio de aliança das grandes corporações internacionais.

Conheça nesse estudo setorial, entre outras questões:

  • Descrição da cadeia produtiva de TICs
  • Empresas líderes da indústria de TICs
  • Dinâmica da concorrência no setor
  • Estrutura dos gastos com atividades inovativas
  • Financiamento e investimento
  • Políticas públicas

O conteúdo foi útil para você?

  • Sim
  • Não

Enviado com sucesso! Agradecemos sua ajuda.


Compartilhe: