this is an h1

this is an h2

Pular para o conteúdo principal
Thu Aug 12 09:50:05 BRT 2021
Empreendedorismo | ATITUDE EMPREENDEDORA
Joice fatura mais de R$ 1 milhão por ano com sua marca de alimentos

A empresária contou com apoio do Sebrae para a internacionalização de sua empresa, e hoje seus produtos saudáveis são vendidos até no exterior

· 12/08/2021 · Atualizado em 12/08/2021

"O Sebrae atua como uma aceleração de negócios à medida que viabiliza acesso a consultorias e assessorias para as quais a gente não tem verba quando está começando."

Foram diversas redações pelas quais a jornalista Joice Sabatke passou durante sua carreira na comunicação no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina. Mesmo com uma trajetória de sucesso, atuando em alguns dos veículos mais importantes do país, o empreendedorismo falou mais alto e a atraiu para se integrar ao negócio de sua família.

Em 2005, a Catarinense Congelados passava por um processo de sucessão em Itajaí (SC), quando Joice decidiu se dedicar exclusivamente à empresa familiar. Ela lembra que nessa época foi quando se começou a falar sobre a importância da alimentação saudável. Como um dos carros-chefes era o sorvete, considerado um alimento pouco saudável, ela começou a pensar em formas de manter a rentabilidade do negócio diante da nova tendência que estava surgindo.

"Foram anos de pesquisa, que começou em 2007, com planejamento estratégico, estudo sobre patentes. Em 2012, quando saiu nossa patente, fizemos um projeto-piloto com um restaurante saudável. Em 2014, quando terminou o piloto, já sabíamos o que colocar no mercado."

Desse planejamento surgiu a ideia de uma nova empresa, e foi assim que nasceu a Selfsy Alimentos Saudáveis. O primeiro produto lançado foi o açaí da marca, mas logo vieram outras novidades, como polpas de frutas e sorvetes.

Não demorou para que Joice percebesse que, para o negócio ser viável, ele precisaria ter escala. Por isso, começou a trabalhar para melhorar a distribuição dos produtos. 

"Hoje são 500 pontos de venda. Nosso foco principal, onde melhor vendemos, são supermercados."

Joice afirma que, além da boa distribuição, outro fator que ajudou a impulsionar o negócio foi a participação no programa Go to Market, uma parceria do Sebrae-SC com a FIESC (Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina), uma iniciativa que apoia a internacionalização de pequenas empresas. Segundo a empresária, o interesse pelo programa surgiu pouco antes da chegada da pandemia de covid-19, quando recebeu um post de um consumidor de Londres, na Inglaterra, com um dos produtos da Selfsy. Um distribuidor havia passado a vender a marca para uma loja de produtos brasileiros de lá.

"Pensei: estamos chegando muito longe sem um planejamento para isso. Então recebi uma propaganda do Go to Market e resolvemos participar. Foi um ano de treinamento. Você tem, ali, desde testes de nivelamento, para ver o seu nível de conhecimento, a palestras sobre exportações. Foi importante para a gente se situar na complexidade que é esse processo de internacionalização. Vimos que não tínhamos a noção do preço em dólar do nosso produto. Foi o Sebrae que deu consultoria para calcularmos esse preço."

Hoje, a empresa conta com mais de 20 produtos, vendidos no Brasil e no exterior. Segundo Joice, o faturamento já superou R$ 1 milhão por ano.

Agora, para continuar crescendo, a meta é expandir a distribuição tanto em Santa Catarina quanto no Paraná e no Rio Grande do Sul. Para isso, a empresa aumentou a equipe e destacou profissionais que estão focados na prospecção de novos mercados.

Instagram: @selfsy

Região Norte

Região Nordeste

Região Centro-oeste

Região Sul 

Região Sudeste


O conteúdo foi útil pra você? Sim Não
Obrigado!

Foi um prazer te ajudar :)

Precisa de ajuda?

Nós temos especialistas prontos para atender você e o seu negócio de formar online e gratuita.

Acesse agora