this is an h1

this is an h2

Mon Jul 04 16:30:43 BRT 2022
Empreendedorismo | MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL
Declaração Anual MEI: como fazer para entregar após perder o prazo

MEI pode ser considerado inadimplente e perder benefícios caso não entregue a declaração.

· 04/07/2022 · Atualizado em 04/07/2022

Foi encerrada nesta quinta-feira (30), o prazo para os Microempreendedores Individuais (MEIs) entregarem a Declaração Anual do Simples Nacional (DASN) referente ao calendário do ano de 2021.

A DASN funciona como uma prestação de contas ao governo a respeito do seu faturamento, como uma espécie de imposto de renda da pessoa jurídica MEI, ou seja, deixar de entregar a declaração, resulta em uma multa de R$ 50 ou de 2% ao mês sobre o total dos tributos, com limite de 20%.

Para gerar a declaração, é necessário acessar o Portal do Empreendedor, em seguida escolher a opção “Declaração Anual de Faturamento” e informar o CNPJ para continuar. Além disso, é possível retificar ou acrescentar informações da sua declaração.

Após concluir essa etapa, é preciso realizar o pagamento da multa por atraso na declaração em até 30 dias depois da entrega, multa essa que é gerada automaticamente depois do prazo limite. O Documento de Arrecadação de Receitas Federais (DARF) pode ser pago em qualquer agência bancária.

Vale lembrar que a não entrega do DASN faz com que o empreendedor seja considerado inadimplente, resultando na perda de benefícios, como a cobertura previdenciária.

SAIBA MAIS

Caso tenha dúvida, entre em contato com o atendimento do Sebrae ou ligue gratuitamente para Central de Relacionamento que funciona 24 horas no número 0800 570 0800.


O conteúdo foi útil pra você? Sim Não
Obrigado!

Foi um prazer te ajudar :)

Precisa de ajuda?

Nós temos especialistas prontos para atender você e o seu negócio de forma online e gratuita.

Acesse agora