Pular para o conteúdo principal
Fri Dec 18 12:33:10 GMT-03:00 2020
Organização | GESTÃO

7 estratégias para impulsionar seu negócio no ramo de varejo alimentar

Aumente suas vendas, fidelize seus clientes e se destaque no varejo alimentar após a pandemia do Covid 19

Weksley Gonçalves de Lima

· 14/12/2020 · Atualizado em 17/12/2020

O que é Varejo Alimentar

O setor de varejo alimentar, também conhecido por mercado de vizinhança ou loja de vizinhança é representado por minimercados, mercadinhos e armazéns. Podemos também acrescentar nesse grupo os empórios, conveniências e as casas de carne (boutique de carne ou açougue gourmet), devido a sua semelhança entre forma de trabalho, produtos e clientes.

Com o passar dos anos, alguns hábitos dos consumidores mudaram, por exemplo, a diminuição de estoques de produtos em casa. Esse fato juntamente com maior nivelamento entre preços dos produtos dos mercados de vizinhança e grandes varejista, fizeram com que o consumidor faça mais compras nos mercados dos bairros em vez de grandes supermercados ou hipermercados.

A Pandemia do COVID 19 fez com que este setor, ao contrário de outros, tivesse um aquecimento em suas vendas. Com a maior concentração das famílias em suas casas, devido ao isolamento social, mais pessoas passaram a cozinhar, cuidar da higiene e limpeza dos lares, consequentemente maior consumo de produtos.

Porém é preciso fazer com que este cliente continue consumindo de sua empresa durante e pós pandemia. Pensando nisso, separamos algumas dicas para aumentar a competitividade de sua empresa:

Dicas

Dica 1: Clientes

Mostre para o seu cliente que ele é importante. Chame-o pelo nome, conheça os produtos que ele mais consome, faça pesquisas regulares de satisfação e descubra o quanto ele está contente ou descontente com a sua loja, e ofereça também um canal de comunicação (telefone, WhatsApp ou e-mail) para elogios, críticas ou sugestões. Responda todas as manifestações o quanto antes. Lembre-se! Seu cliente quer praticidade, agilidade e proximidade.

Dica 2: Canais de divulgação e vendas

Sua empresa precisa ser conhecida e seus clientes saber o que você está oferecendo. A divulgação do seu empreendimento é fundamental para manutenção e conquista de clientes e aumento das vendas.

A utilização das redes sociais tais como WhatsApp, Facebook, Instagram entre outros, é essencial para que seus clientes tenham contatos diários com a sua empresa, mesmo que a distância. Aproveite estas ferramentas para fazem postagens de ofertas e promoções. Você pode também utilizar estes canais para informar o seu cliente sobre alguma novidade em sua loja, para realizar uma venda ou até mesmo apenas para manter o relacionamento com eles.  

Outros canais também são importantes para aquecer as vendas. Distribuição de folhetos, utilização de carros/motos de som ainda são boas ferramentas para a divulgação de sua empresa.

Dica 3: Legislação

Atente-se as legislações vigentes para o seu negócio. Tenha seus registros na Junta Comercial, Receita Federal, Prefeitura Municipal, Vigilância Sanitária, Corpo de Bombeiros entre outros. Informe-se quais órgãos e entidades que você precisa estar registrado bem como a documentação exigida.

Dica 4: Escolha da localização

A localização deve ser muito bem pensada. No momento da escolha do local é preciso considerar:

Perfil dos seus clientes; perfil do bairro; concorrência; estrutura física do imóvel; estacionamento para clientes; áreas de carga e descarga, logística, vias de acesso; segurança, entre outros.

Dica 5: Estrutura

Atente-se para os detalhes do imóvel que podem fazer diferença no momento do seu cliente ir até a sua empresa. Serviços de energia, água, esgoto e internet são essenciais para o bom funcionamento do seu empreendimento. Verifique se o bairro onde você pretende instalar a sua empresa é bem servido destes serviços.

Também é importante que você verifique itens tais como facilidade de acesso, acessibilidade dentro e fora do imóvel, organização, limpeza, banheiros e espaço do prédio. Lembre-se, você precisa oferecer conforto e segurança para que o seu cliente se sinta bem enquanto estiver na sua loja.

Dica 6: Equipamentos

Verifique quais móveis e equipamentos são necessários para o bom funcionamento de seu empreendimento. Atente-se que existem diferentes áreas dentro da sua empresa que necessitam de móveis e equipamentos.

Área de loja: Gondolas, prateleiras, balcões refrigerados, freezers, fruteiras, etc.

Área dos caixas: Computadores, impressoras de cupom fiscal, máquinas de cartão, balança, etc.

Além destas, existem outras áreas, tais como: Área de estoque, administrativo, externa, espaço dos funcionários, etc. O importante é que todas as áreas estejam limpas, organizadas e com móveis e equipamentos em boas condições de uso.

Dica 7: Equipe

Sua equipe será sua frente de trabalho. Geralmente são eles os primeiros a terem contato direto com o seu cliente. É muito importante que o cliente tenha uma boa impressão da sua empresa e para isso todos os colaboradores devem estar capacitados.

Os atendentes devem fazer mais que atender. Eles devem ser também orientadores e vendedores de sua loja. Seja para orientar o cliente para localizar algum item, ou oferecer um outro produto que possa substituir quando este não encontra o desejado. Também é importante que a equipe de loja (repositores, atendentes, balconistas, caixas, empacotadores, entre outros) saibam oferecer um outro produto que não esteja na lista de compras do cliente. O mais importante é que toda a equipe de trabalho seja sempre cordial, simpática e atenta com os clientes.

Separamos alguns materiais para estudo que podem auxiliá-lo no seu empreendimento de varejo alimentar

Compartilhar

O conteúdo foi útil pra você? Sim Não
Obrigado!

Foi um prazer te ajudar :)

Conteúdo relacionado

Fale com o Sebrae

Converse online, por chat ou email, com os técnicos do Sebrae
para tirar dúvidas e receber orientações sobre o seu negócio.
É gratuito!

Converse agora