this is an h1

this is an h2

Pular para o conteúdo principal
Mon May 10 15:27:54 BRT 2021
Empreendedorismo | ATITUDE EMPREENDEDORA
Como enfrentar a crise

O vírus da reinvenção afetou a sua empresa?

· 30/03/2020 · Atualizado em 10/05/2021
Leia as dicas

Em tempo de mundo globalizado, não é de se estranhar que um vírus oriundo da China viaje rapidamente pelo mundo e provoque medo, insegurança econômica e quebra de empresas. No campo pessoal é preciso cuidado com a saúde, se resguardando em casa e fazendo a devida higiene orientada pelos órgãos ligados ao setor da Saúde. Já no meio empresarial se faz necessário repensar o negócio e suas formas de contato e comércio com o mercado. Sugiro algumas dicas para enfrentar este momento: 

Estimule a Sua Criatividade e da Equipe de Trabalho Chegou o momento de repensar e/ou até reinventar o seu negócio, pois de alguma forma a sua empresa já foi afetada e terá que criar novos mecanismos de conquista e manutenção de clientes. Promova o envolvimento de seus colaboradores no envio de ideias inovadoras. Pesquise em sites especializados o que outras empresas estão fazendo. Veja as sugestões de especialistas em crises; 

Videoconferências e/ou chats são a melhor forma de dar prosseguimento à comunicação mais efetiva com as equipes, sem colocar o(s) colega(s) de trabalho em risco; 

O mundo virtual nos apresenta excelentes maneiras de vender, de comunicarmos as nossas empresas e até de prospectar e fidelizar clientes. Facebook, Instagram, Whatsapp, Google Ads, dentre outras, são formidáveis para esta finalidade. O ideal é ter e/ou contratar um free-lance para esta tarefa;

 

Um maior conhecimento do mercado, da clientela, da gestão do negócio e dos vários processos inerentes à uma empresa lhe dará a capacidade de tomar as melhores decisões. Como presencialmente está inviabilizado, busque sua capacitação e também dos seus colaboradores através das plataformas EAD. Uma dica à mais: você, com sua expertise, pode até desenvolver conteúdos para capacitações e vender ao mercado via ferramentas on-line; 

 

Nos casos em que seja possível o seu funcionário trabalhar em casa, utilizando a Internet e/ou telefone, é a melhor opção. Além de menos contato físico com outras pessoas, evita-se o deslocamento do colaborador, que poderá dar mais assistência à sua família e ainda reduzirá as despesas da empresa com energia, material de limpeza e outros. Logicamente é necessário estabelecer padrões de entregas, como metas a serem cumpridas, horários etc. 

Você, certamente, já ouviu aquele ditado: se Maomé não vai à montanha, a montanha vai à Maomé. Desta forma, é hora de pensar na entrega do seu produto ao cliente. Seja através de veículo próprio e/ou os serviços de motoboys. 

Tenho certeza que você já ouviu a seguinte frase: “se sua empresa não está on-line ela não existe”. Se até hoje a sua empresa não estava presente neste mundo virtual, chegou o momento. Contrate uma empresa e/ou um profissional especializado para este fim. Você vai precisar ter uma plataforma eficiente e um lay-out intuitivo; criar um boa estratégia de comunicação on-line e desenvolver uma logística eficiente.

O importante é sair desta crise, ocasionada pela pandemia do coronavírus, com uma nova mentalidade de negócio. O empreendedor tem que refazer o seu mapa mental e enveredar por novos caminhos em sua empresa. As mudanças nos acompanham constantemente e agora será o momento oportuno para percebermos quem está mais preparado para superar os desafios impostos pelo mercado em ebulição e incertezas.

HELDER FREITAS - Analista do SEBRAE/PI; Formado em Comunicação Social - UFPI; Especialista em Marketing - UFPI; Especialista em Administração Hoteleira - UESPI; Mestre em Visão Territorial e Sustentável do Desenvolvimento - Universidade de València (Espanha) - e SEBRAE Nacional. Atualmente é gerente da Unidade de Políticas Públicas e Desenvolvimento Territorial.

Saiba mais

Como sua empresa pode reagir ao coronavírus

Encontre novas formas de fazer negócios para não ter prejuízos neste momento de crise.

Atendimento digital

O importante é não entrar em pânico, seguir as recomendações da OMS, dar mais segurança para os clientes e diminuir os riscos do negócio.

As atividades de capacitação presenciais do Sebrae estão suspensas neste período, mas, você pode nos procurar em nossa EAD, participar dos mais de 100 cursos gratuitos que estão disponibilizados, bem como dos treinamentos oferecidos pela ABRASEL, parceira do SEBRAE e das micro e pequenas empresas de alimentação fora do lar. O Sebrae Piauí também está à sua disposição pelos canais:


O conteúdo foi útil pra você? Sim Não
Obrigado!

Foi um prazer te ajudar :)

Conteúdo relacionado

Precisa de ajuda?

Nós temos especialistas prontos para atender você e o seu negócio de formar online e gratuira.

Acesse agora