MIDIAS SOCIAIS

Veja como o Instagram pode ser uma oportunidade

É preciso analisar as características de sua empresa e de seu público-alvo para decidir se vale ou não estar presente nessa rede.

Mídia e Internet
  • Redes Sociais

Antigamente, quando praticamente só existia a mídia impressa, a comunicação era limitada. Presentes nos jornais, revistas, panfletos e outros locais, a empresa transmitia suas mensagens, mas sem que o consumidor pudesse dar um retorno. Com existência de rádio e televisão, as formas de divulgação evoluíram até chegar na internet, que proporciona inúmeras possibilidades.

No meio do século XX, se deu início da era digital, reconhecida como a terceira revolução industrial. E em seguida surgiu a internet, que passou por várias etapas até chegar onde estamos.

A internet também passou por várias fases, até chegar naquilo que estamos acostumados a utilizar. Por enquanto existem três, que variam de acordo com a interação:

  • Web 1.0 – O primeiro formato existente. Eram páginas de site estáticas com pouca ou nenhuma interatividade. Existiam sites com o teor institucional. Eram todos cheios de links e pouco atrativos.
  • Web 2.0 – A web começou a se moldar de acordo com que as pessoas necessitavam. Houve o início da era participativa, onde os internautas começar a criar seu próprio conteúdo através dos chats e blogs. Nessa época existiam cada vez mais pessoas se conectando.
  • Web 3.0 – Muito próxima da inteligência artificial, a leitura pode ser feita por humanos ou máquinas. Os conteúdos e propagandas online são personalizados para cada usuário. Por meio de algoritmos, baseados de acordo com o histórico das buscas e visitas em sites, a internet exibe a publicidade de jeitos diferentes para os internautas. O motivo é tentar entregar um conteúdo que desperte maior interesse para cada um e facilitar a segmentação da publicidade. A taxa de conversão de vendas é maior quando entregue para o público certo. Ou seja, está cada vez mais fácil se promover no meio online. Os algoritmos estão cada vez mais precisos, conectando produtos e serviços com pessoas aptas adquiri-lo. O mesmo acontece com conteúdos e informações.

Redes Sociais
  • Mídia e Internet
  • O Instagram

A popularização de redes sociais começou pelos anos 2000. Hoje em dia existem os mais diversos tipos de sites que conectam pessoas. Na própria internet é possível fazer pesquisas e coletar dados de cada rede social, para que seja possível escolher a que melhor funciona de acordo com cada objetivo. É possível analisar as características do público que mais acessa a página ou propaganda, coletando dados como idade, região, localização, gênero e outros.

No meio de tantos sites e blogs, as redes sociais foram as mais populares por possibilitar a conexão entre pessoas em todo o mundo. A nova geração não consegue mais separar a vida social da vida online, passando horas na internet. As empresas se aproveitaram dessa nova ferramenta, para se aproximar do público.

Ao criar um perfil, seja qual for o lugar escolhido na web, não deve existir conteúdo apenas para fazer propaganda da marca, mas também para fornecer conteúdos que promovam interesse do seu público. Se sua página ou perfil não estiverem tendo o acesso esperado dos internautas, é provável que eles não estejam encontrando conteúdo de qualidade para alimentar a comunicação entre cliente e empresa. Outro motivo possível é que as informações estejam sendo entregues para as pessoas erradas.

Ao optar pela participação ativa na internet, os conteúdos precisam ser criados periodicamente e é claro, estarem relacionados com o que seu público gosta e com o que sua empresa fornece. 

O Instagram
  • Redes Sociais
  • Interação com o público

É uma rede social muito popular quando se trata de postar fotos e vídeos. Além de publicá-los na sua linha do tempo, que ficará registrado no seu perfil, ele conta com mais duas opções. Existe o story, onde você posta uma foto ou compartilha a publicação de outros perfis, que ficam visíveis por até 24 horas.  A última opção é enviar fotos, vídeos e publicações diretamente para a pessoa desejada.

Existe a possibilidade de deixar o link do site no perfil, para caso alguém queira saber mais sobre a empresa.Já quando se trata de promover sua página, marca, serviço ou produto existem duas opções. A primeira delas é pagar para aparecer na linha do tempo das pessoas das quais você segmentou, como se fosse uma publicação de alguém que essas pessoas seguem. Outra alternativa é aparecer como um story, no qual basta arrastar um botão pra cima e a pessoa cai no site ou no link de destino usado ao criar a propaganda. Em ambos é possível utilizar vídeos no lugar de fotos e textos.

 

Motivos e benefícios do Instagram

Os dados a seguir mostram algumas métricas e informações especificas do Instagram. É preciso analisar as características de sua empresa e de seu público-alvo para decidir se vale ou não estar presente nessa rede.

 

Quantidade de usuários

Entre 2014 e junho de 2018, o Instagram triplicou a quantidade de perfis, ultrapassando 1 bilhão de usuários ativos ao longo do mês. É uma quantidade enorme, onde existem pessoas do mundo inteiro, facilitando até mesmo vendas de importação e exportação. O melhor é que essa taxa tende a crescer cada vez mais, com mais pessoas agregadas.

70% das empresas já possuem o próprio perfil. Não possuir uma conta da empresa ativa é dar chances para o concorrente se sair na frente e vender mais. Outras redes sociais possuem menos inscritos. O Twitter é usado por 67,2% das empresas e o Linkedin por 57%.

Interação com o público
  • O Instagram

O Instagram tem uma das melhores interações no meio online. 80% dos usuários interagem com pelo menos uma marca. A rede traz novos produtos para pelo menos 60% dos usuários. Dentre todos que utilizam o Instagram, 30% deles já fizeram uma ou mais compras através da plataforma.

Todo dia, uma média de 300 milhões de pessoas utilizam o Stories. Os resultados mostram que a tendência é aumentar esse dado ainda mais.

Das hashtags utilizadas nas publicações, 70% delas representam uma marca. Caso alguma empresa não tenha criado a sua própria, está perdendo muitas oportunidades. Apenas uma hashtag é capaz de aumentar em 12,6% o engajamento com o público.

Tente estimular os usuários para que eles marquem sua empresa nas publicações, façam menções ou utilizem a opção de compartilhar a localização. Todas essas pequenas atitudes promovem os serviços e produtos. Com estratégias simples, como repostar as melhores fotos dos usuários que marcaram a empresa, pode haver mais publicações interagindo com seu perfil.

 

Melhorando o engajamento

As hashtags podem somar até 28 diferentes palavras, mas é recomendado usar aproximadamente apenas 10. Os posts com marcação melhoram o engajamento em 67,9%.

Aproximadamente 1 milhões de pessoas visitam sites fora da plataforma, através de links no Instagram. Esse dado pode contribuir com o tráfego nos sites. Os gastos investidos pelos mais diversos perfis empresariais somaram 6,84 bilhões de dólares no ano de 2018. Ao não investir nessas propagandas, os resultados de venda podem não ser tão agradáveis o quanto se esperava. A presença no Instagram é cada vez mais popular.

 

Melhores dias e horários para postar

Estudar o mercado e os concorrentes permite achar lacunas em horários de postagens no qual ninguém do mesmo segmento esteja atuando. Em qualquer publicidade é preciso levar em consideração dados relacionados ao acesso dos usuário, para achar o horário ideal para postar.

Quando se tratam de postagens audiovisuais, o maior alcance é as 9 horas da manhã. Ao publicar nesse horário o vídeo pode receber 34% a mais de engajamento. É um número bastante alto que deve ser usado a favor da publicação.

 

Informação rápida

Muitas vezes as pessoas abrem o Instagram de maneira rápida, onde olham a imagem e descrição, captando a essência da publicação. O mesmo não ocorre com os vídeos, que além de serem mais longos, pode exigir som para que seja compreendido.

As fotos promovem 36% mais engajamento, mas em contrapartida os vídeos alcançam mais comentários. O motivo pode ser que o Instagram sempre se direcionou mais para imagens do que vídeos.

Ao gravar um conteúdo audiovisual deve-se atentar para que ele esteja no formato vertical, seguindo o fluxo da utilização dos smartphone. Mesmo não sendo campeões de acesso, gravar vídeos para otimizar conteúdos deve fazer parte da rotina.

 

Use seus seguidores para aumentar a conversão

Quando um usuário gera algum tipo de conteúdo relacionado à empresas, existe uma chance com média de 4,5% de conversão. É extremamente importante estimular esses clientes a fazerem post dentro da sua loja ou empresa.

Com todas essas informações você pode avaliar se é de seu interesse ou não usar essa plataforma. O Instagram é um aplicativo que possui cada vez mais usuários e pode ajudar a popularizar uma empresa.

O conteúdo foi útil para você?

  • Sim
  • Não

Enviado com sucesso! Agradecemos sua ajuda.


Compartilhe: