this is an h1

this is an h2

Empreendedorismo
Go To Market incentiva a internacionalização de pequenos negócios
Novidades para 2022 foram apresentadas em evento no extremo oeste catarinense

Com a intenção de incentivar os pequenos negócios a se estruturarem para que conquistem possibilidades reais de crescimento no mercado internacional foram apresentadas, nesta semana, as novidades do terceiro ano do programa Go To Market. A iniciativa é do Sebrae/SC em parceria com a Federação das Indústrias de Santa Catarina (FIESC). O evento de lançamento regional ocorreu na Big John Cervejaria, em Descanso, no extremo oeste catarinense. Participaram micro e pequenos empresários de vários segmentos de atuação na região.

O gerente de internacionalização do Sebrae/SC, Filipe Gallotti, explicou que o terceiro ano do programa vem cheio de novidades, em formato hídrido (on-line e presencial), road show pelo Estado, trilha de webinars gratuitos, palestras e lives específicas e ainda workshops setoriais. “Os 19 encontros previstos acontecerão tanto no presencial quanto no virtual. O empresário poderá optar em participar no município que estará ocorrendo o encontro ou acompanhar pelo canal do YouTube do Sebrae/SC”, destacou.

A programação iniciará em janeiro de 2022 por Florianópolis e depois prosseguirá em TubarãoGasparBlumenauChapecóSão Miguel do OesteTijucasSão Bento do SulJoaçabaJoinvilleItajaíJaraguá do SulBrusqueLagesCriciúmaCaçador e Rio do Sul. Gallotti também antecipou outra novidade, que além da versão Premium será disponibilizada a versão Free, para que os empresários esclareçam suas dúvidas sobre internacionalização para determinado segmento e possam acompanhar on-line esses encontros regionais.

“A internacionalização é um processo de aprendizagem contínuo, por isso muitos empresários participam durante um ano e renovam para o próximo. Por esse motivo também a cada edição aprimoramos o programa e oferecemos diferenciais. Na versão Premium além dos 19 encontros estão previstas sete palestras on-line e 35 workshops setoriais, sendo 10 para o setor de startups, 5 para cervejarias, 5 para têxtil, 5 para alimentos, 5 moveleiro e 5 para metalmecânico. Com a inserção destes três últimos setores para 2022”, enalteceu Galotti.

 

CASES DA REGIÃO

A programação do lançamento regional contemplou também apresentação de cases de sucesso de empresas do extremo oeste catarinense participantes do programa Go To Market em 2021. Os empresários Maicon de Araujo (Barriga Verde), Diovana Schacker (Big John) e Jungles Wegher (iopoint) explicaram de que maneira o programa contribuiu para o seu negócio, a importância da internacionalização, as diferenças observadas na empresa e os resultados alcançados.

Para o sócio-proprietário da Barriga Verde Produtos de Limpeza, Maicon Araújo, o principal benefício proporcionado pelo programa foi o aumento de maturidade da empresa. “Olhar para a possibilidade de inserir nosso negócio no mercado externo deixou claro algumas falhas em nossa situação atual que precisam ser melhoradas para prosseguirmos. Gallotti sempre defendeu que primeiro é preciso ganhar em casa antes de exportar, e deu apoio para isso tanto com mentoria, troca de ideia, network com outros empresários, quanto pelo apoio financeiro disponibilizado pela Sebraetec para aplicar as melhorias necessárias”, relembrou.

“Como empreendedor o programa mudou minha visão de possibilidades e agora consigo sonhar mais alto”, ressaltou Maicon. Ele perdeu o medo de pensar globalmente, e mesmo sabendo que será trabalhoso e custoso ingressar no mercado exterior, tem convicção de que é possível e conhece os passos para isso. “Foi depois de uma visita que fiz com o Gallotti a uma empresa da região que o proprietário ofereceu a oportunidade de distribuir meu produto no Paraguai. Só tive coragem em topar esse desafio, pois tenho apoio do Go To Market para tudo desde a documentação até a adequação de embalagem”, ressaltou. Maicon também reforçou que internacionalização não se trata apenas de exportação e importação, mas sim de estar inserido no mercado global, estar atento às tendências e as boas práticas e buscar informações e tecnologias. “Não é necessário ser uma empresa gigante para isso, mas é preciso saber o caminho e estar preparado”, destacou.

A diretora executiva da Big John, Diovana Schacker, explicou que a decisão em participar do Go To Market em 2021 teve como objetivo expandir a área de atuação da empresa, principalmente para os estados da região sul e compreender melhor o cenário internacional, os processos de importação e exportação. “Nossa empresa utiliza muitos produtos com origem de outros países, então, temos uma grande oportunidade para importar esses itens. Ao mesmo tempo queríamos aprender mais sobre as tratativas para exportação. Nosso produto por ser uma bebida alcoólica tem particularidades, mas como o programa tem um viés para cervejarias foi bem focado no setor, o que contribuiu muito”, avaliou.

Segundo Diovana, a empresa aproveitou muito o programa. “Ainda não fizemos nenhuma exportação, porém estamos em processo de negociação. Aos poucos as coisas começam a acontecer e se concretizar. Agora estamos familiarizados com os processos e compreendemos melhor como fazer as negociações, das quais precisamos observar várias particularidades. Isso o programa nos ajudou, quase como se fosse uma mentoria”, explicou.

De acordo com o CEO e fundador da iopoint, Jungles Wegher, o Sebrae/SC tem sido um grande parceiro da empresa, pois está apoiando desde seu nascimento. “Fiz o Empretec, o workshop mais importante sobre empreendedorismo e motivei para que todos os dirigentes também fizessem. Participamos ainda do StartupSC e do Programa de Gestão Avançada (PGA), da entidade. Além disso, o programa Go To Market proporcionou o acesso à internacionalização da empresa, além da participação na Gramado Summit (importante feira de empreendedorismo e inovação na América Latina), da Mercopar em Caxias do Sul (RS), na feira Startup Summit (presencial e on-line) no Centro Sul, na Feira do Empreendedor (100% digital) e na Web Summit, em Portugal.

Foto 06 – Maicon Araújo, Filipe Gallotti, Diovana Schacker e Jungles Wegher.

 

Foto 07 – Participaram micro e pequenos empresários de vários segmentos de atuação na região.

 

Acompanhe mais notícias do Sebrae/SC na Agência Sebrae de Notícias e nas redes sociais: Instagram Facebook LinkedIn Twitter Telegram YouTube Blog  Site

Precisa de ajuda?

Nós temos especialistas prontos para atender você e o seu negócio de forma online e gratuita.

Acesse agora