ac am rr pa ap ma pi ce rn pb pe al se ba to mt ro ms go df mg es rj sp pr sc rs
  • RSRio Grande do Sul
  • SCSanta Catarina
  • PRParaná
  • SPSão Paulo
  • MSMato Grosso do Sul
  • RJRio de Janeiro
  • ESEspírito Santo
  • MGMinas Gerais
  • GOGoiás
  • DFDistrito Federal
  • BABahia
  • MTMato Grosso
  • RORondônia
  • ACAcre
  • AMAmazonas
  • RRRoraima
  • PAPará
  • APAmapá
  • MAMaranhão
  • TOTocantins
  • SESergipe
  • ALAlagoas
  • PEPernambuco
  • PBParaíba
  • RNRio Grande do Norte
  • CECeará
  • PIPiauí
menu Sebrae

Cursos e Eventos

Cursos e Eventos presenciais

Confira a programação do Sebrae no seu estado e inscreva-se já.

Cursos Online

Matricule-se nos cursos online 100% gratuitos e estude sem sair de casa.

Empreendedorismo
Sebrae inicia 2ª edição de pesquisa sobre MPE e a crise do coronavírus
Empresários de todo o Estado podem participar respondendo ao questionário que está disponível no site do Sebrae

O Sebrae/SC iniciou nesta segunda-feira, 13 de abril, a segunda edição da pesquisa que monitora o cenário dos pequenos negócios catarinenses durante a crise do coronavírus. A pesquisa tem como objetivo entender os impactos da crise nas micro e pequenas empresas, principalmente em relação ao faturamento e empregos. Para participar, os empresários podem acessar http://sebrae.sc/pesquisa-impactos2 e responder ao questionário. A coleta de dados será feita até terça-feira, 14 de abril.

De acordo com a gerente de mercado do Sebrae/SC, Soraya Tonelli, nesta edição a pesquisa trará também o recorte específico de algumas cidades do Estado. “Na edição divulgada na primeira semana de abril, trouxemos apenas o recorte do Estado e da Capital. Agora, buscamos entender os impactos nas cidades de Florianópolis, São José, Criciúma, Tubarão, Joinville, Jaraguá do Sul, Blumenau, Itajaí, Chapecó e Lages. Os resultados serão divulgados nesta quarta-feira”, explica Soraya.

O Sebrae/SC ressalta que os dados são sigilosos e não serão divulgados ou usados de maneira individual.

A primeira edição apontou que até o dia 29 de março, cerca de 148 mil pessoas tinham perdido o emprego em Santa Catarina e o faturamento dos pequenos negócios tinham registrado uma perda bruta de R$4,4 bilhões.

Douglas Nazario / Nazario & Bortot
Comunicação Sebrae/SC Gerência Regional Sul
Compartilhar
Favoritar

    Salvo na lista de favoritos

O conteúdo foi útil para você?

Conteúdo relacionado

Fale com o Sebrae

Converse online, por chat ou email, com os técnicos do Sebrae
para tirar dúvidas e receber orientações sobre o seu negócio.
É gratuito!

Converse agora