VENDA EM ESCALA

Saiba como gastar menos e produzir mais com a economia de escala

Saiba como gastar menos e produzir mais com a economia de escala

Quando uma empresa consegue diminuir o custo médio de produção à medida que aumenta a quantidade de produtos produzidos, ela está colocando em prática a economia de escala. Isso representa uma vantagem especialmente para startups, que podem aumentar sua produção e ampliar sua fatia de mercado rapidamente.

Quer um exemplo?

Se a produção de cem bolsas custa R$ 20 mil (ou seja, R$ 200 por bolsa) e, ao aumentar a produção para mil bolsas, o valor passa para R$ 100 mil (R$ 100 por peça), o lucro do produto no mercado aumenta.

Por exemplo: se o valor unitário era de R$ 300, o lucro sobe de R$ 100 para R$ 200.

Parece mágica, mas não é. Neste conteúdo, falaremos sobre as várias vantagens de escalar a produção e também como tornar sua empresa mais lucrativa com esse modelo de negócio. Vamos lá?

Vantagens

Como você já percebeu, a maior vantagem da economia de escala é a redução de gastos, junto com o aumento dos lucros - já que o custo médio de produção por unidade é reduzido. Isso garante a possibilidade de oferecer preços mais competitivos para o consumidor, o que tende a alavancar vendas. Além disso, com a economia de escala é possível comprar matéria-prima em quantidade expressiva e reduzir os custos.

Antes de fazer um estoque, avalie se os produtos tem potencial real de venda a médio prazo.

Como última vantagem, vale dizer que a economia de escala reduz gastos não só na hora de produzir, mas também em outras ações da empresa, como idealização, campanhas de marketing, controle financeiro e distribuição.

Primeiros passos

Para escalar sua produção, a primeira ação necessária é padronizá-la. Assim, fica mais fácil produzir o mesmo item repetidamente, sem precisar gastar com patentes, elaboração do design ou publicidade.

Depois, você deve investir também na capacitação da sua equipe, para evitar desperdícios, falhas ou a necessidade de retrabalho, que atrasa e prejudica a produtividade. E falando em equipe: se o seu objetivo é escalar o seu trabalho, você precisa ter um time bem preparado e com funções bem delimitadas. Uma das grandes dificuldades de pequenos negócios em crescimento é a gestão.

Além disso, para micro e pequenas empresas, um modelo interessante de economia de escala são as redes de compras coletivas. Nesse tipo de venda, são ofertados produtos e serviços com grandes descontos, desde que uma quantidade mínima de pessoas os adquira. Também é possível fazer parcerias com outras empresas para que forneçam serviços e matéria-prima ou distribuam seus produtos de maneira mais vantajosa.

Avaliação

Investir em economia de escala é um processo difícil e demorado, especialmente para pequenos negócios. Por isso, avalie se sua empresa está pronta para adotar esse modelo. No geral, ele é mais viável para quem já possui uma marca ou produto consolidado no mercado e quer aumentar sua margem de lucro.

Muitas empresas, especialmente as gigantes industriais, usam a fusão como meio de desenvolver uma economia de escala, já que assim ampliam seu campo de atuação, reduzem gastos e se tornam mais poderosas diante das concorrentes. Se o seu desejo é seguir pelo mesmo caminho, essa pode ser uma opção.

Saiba mais:

O conteúdo foi útil para você?

  • Sim
  • Não

Enviado com sucesso! Agradecemos sua ajuda.


Compartilhe: