this is an h1

this is an h2

Pular para o conteúdo principal
Thu Oct 18 15:09:52 BRT 2018
Finanças | FINANCIAMENTO
Como elaborar um plano de acesso a crédito

Quando realmente há necessidade de crédito, um bom plano melhora as chances do seu negócio conseguir o financiamento.

· 23/07/2014 · Atualizado em 18/10/2018

O sistema financeiro brasileiro oferece um diversificado conjunto de linhas de crédito, que pode ser acessado pelos seus clientes. Conheça agora os produtos financeiros mais comuns e a sua composição.

  • Investimento fixo

Para fazer frente ao crescimento ou a expansão da empresa, os empresários podem optar pelo financiamento em capital fixo, o chamado investimento fixo que se trata da aquisição de máquinas e equipamentos necessários para a empresa cobrir as novas demandas e dar um salto em produtividade.

Neste caso as instituições financeiras irão solicitar garantias que suportam o valor do bem que está sendo adquirido e podem, ainda, mantê-lo em alienação.

Em grande parte, nesta operação é muito importante uma avaliação do Capital de giro, isto porque, com a expansão e a aquisição de novas máquinas e equipamentos, muitas vezes o capital de giro da empresa não é o suficiente para suportar este crescimento.

Daí faz-se necessário um montante de Capital de giro associado ao investimento, esta operação é conhecida como Mista (investimento fixo com capital de giro associado).
Consulte as linhas disponíveis no seu banco e compare com outras instituições financeiras.

  • Leasing

Operação de arrendamento mercantil, que consiste na locação do bem durante o prazo de vigência do contrato e o pagamento das prestações decorrentes da operação.

Nesta modalidade o empresário adquire veículos, máquinas e equipamentos novos ou usados, pagando prestações mensais, tendo ao final da operação a opção de compra, desembolsando apenas o valor residual.

  • Financiamento de franquias

Franqueadores de maior porte firmam convênio com as instituições financeiras para que elas financiem o valor da franquia para seus franqueados. Este mecanismo pode viabilizar a liberação do crédito, mesmo para empreendimentos em implantação (franqueados).

Um bom relacionamento com sua instituição financeira é necessário para adquirir confiança e assim conseguir o financiamento, veja abaixo algumas dicas para melhorar o seu relacionamento com a instituição financeira, para a qual pretende solicitar crédito:

1) Movimentação da conta-corrente

Fazer a movimentação financeira da empresa nos bancos, utilizando uma conta-corrente empresarial, é a forma de iniciar o relacionamento com as instituições financeiras e é importante para a formação do conceito da empresa junto ao banco.

A utilização de conta-corrente exige do empresário maior controle sobre os valores movimentados, de forma a evitar a emissão de cheques sem fundos. Esse tipo de ocorrência depõe contra o cliente e podem pesar negativamente na análise de crédito que o banco faz sobre ele.

 2) Pontualidade

Quitar regularmente seus compromissos financeiros com fornecedores e recolher os impostos em dia é uma demonstração de saúde financeira e passa para o banco a percepção de que o empresário quitará também pontualmente os empréstimos e financiamentos liberados pelo banco.

 3) Cadastro atualizado

Manter atualizadas as informações financeiras e patrimoniais da empresa e dos sócios no sistema de cadastro do banco é importante para que o banco forme um conceito positivo em relação à empresa. Preencher os formulários próprios das instituições de crédito com informações verdadeiras, acompanhados da documentação completa solicitada é necessário para estreitar o relacionamento com os bancos.

 4) Reciprocidade

Muitos empresários pensam nos bancos somente como fornecedores de crédito e desconhecem a maior parte dos produtos e serviços das instituições financeiras.

Os Serviços Financeiros englobam um conjunto de produtos e serviços disponibilizados pelo mercado financeiro para pessoas e empresas, que vai além da oferta de empréstimos e financiamentos.

Os bancos podem ser fornecedores e parceiros das micro e pequenas empresas, na medida em que oferecem produtos e serviços que contribuem para melhorar a gestão da empresa e para aumentar sua competitividade.
Adquirir produtos e serviços bancários que interessem à sua empresa é encarado pelos bancos como reciprocidade e melhora a avaliação que é feita da empresa.

O Sebrae Minas Gerais criou uma cartilha que orienta pequenos negócios quanto à elaboração do plano de acesso a crédito para a empresa, a mesma encontra-se dividida em 3 estapas sendo elas: Organizar as Finanças da Empresa, Ter relacionamento com instituições financeiras que apoiam as Micro e Pequenas Empresas e Formalizar a melhor alternativa de crédito para sua empresa. Ao fim da leitura você estará munido de informações e poderá acessar e utilizar o crédito de forma compatível com a real necessidade do seu negócio e obterá o melhor resultado possível nesta operação. 

 

Saiba mais sobre assuntos relacionados a crédito nos links abaixo:

Cinco passos para conseguir créditos para o seu negócio

Ferramenta facilita acesso ao crédito para os pequenos negócios

Se necessário, procure a orientação de um especialista nos nossos Canais de Atendimento.

 

Nos ajude a melhorar este conteúdo! Avalie abaixo se o conteúdo foi útil ou não para você. Se não foi útil, nos diga o que ficou faltando para poder melhorá-lo!

O conteúdo foi útil pra você? Sim Não
Obrigado!

Foi um prazer te ajudar :)

Precisa de ajuda?

Nós temos especialistas prontos para atender você e o seu negócio de formar online e gratuita.

Acesse agora