DESIGN

O design aplicado ao agronegócio e suas vantagens

Veja como utilizar o design para agregar valor aos produtos e se diferenciar dos concorrentes. Entenda, ainda, suas várias aplicações no setor.

  • Caso de sucesso

O que vem à cabeça ao pensar em design? Para boa parte das pessoas, significa pensar em produtos altamente industrializados, soluções tecnológicas e serviços inovadores. Pode parecer difícil associar isso ao agronegócio, não é mesmo? Mas o design pode e deve ser aplicado em qualquer área de qualquer ramo de atividade.

Independentemente da área de atuação, do porte ou da necessidade da empresa, o design sempre será, em todas as suas aplicações, uma ferramenta estratégica e imprescindível para encontrar ótimas soluções.

A intenção é que você perceba que o design amplamente empregado no agronegócio vai agregar mais valor e qualidade ao seu produto e serviço

Caso de sucesso
  • Dicas de atuação

Agora, veremos como uma empresa de hortifruti de Minas Gerais mirou no caminho da comunicação para fugir da competição por preço, bastante comum no setor. E deu bastante certo!

A marca Serras da Mantiqueira, empresa de Barbacena, possui um diferencial de produção: produz três variedades de tomate e um tipo de pepino, e aposta no uso de técnicas agrônomas orientadas para o cuidado e nutrição de suas plantas, de forma a controlar a qualidade e o padrão dos produtos.

Com a vontade de oferecer os produtos nos grandes centros, Robson Luiz Martins, produtor rural responsável pela empresa, enxergou no alinhamento do design à gestão estratégica a possibilidade de agregar valor aos produtos, normalmente vistos como commodities. “O cliente compra com o olho, escolhe o que está bem apresentado. A qualidade já está atrelada ao rótulo”, afirma.

Ele buscou uma consultoria para a revitalização da marca Serras da Mantiqueira e teve 80% do valor custeado por meio do Sebraetec, o programa de inovação do Sebrae.

Então, se você é da área do agronegócio e ainda não tem muita familiaridade com o design, poderá entender como se dá a aplicação dessa área nos seus segmentos de negócios. Basta clicar aqui para consultar O design no agronegócio, um documento elaborado pelo Sebrae para que você se sinta inspirado a avaliar e implementar ações estratégicas baseadas nos conceitos apresentados.

O documento é dividido por segmentos do agronegócio e possíveis ações de aplicação do design para cada um deles. A intenção é que você perceba que o design amplamente empregado no agronegócio vai agregar mais valor e qualidade ao seu produto e serviço.

Dicas de atuação
  • Caso de sucesso
  • A mudança

A mudança
  • Dicas de atuação

Um escritório associado à Associação Brasileira de Empresas de Design (Abedesign) foi indicado para o projeto com a missão de desenvolver nova identidade visual, embalagens e site. Os principais requisitos foram destacar o cuidado na escolha das sementes, a qualidade do produto final e o reconhecimento da vocação agrícola de MG – o que resultou no desenvolvimento de uma comunicação focada nos atributos da região da produção.

A boa comunicação entre o produtor e os designers possibilitou a integração dos novos elementos à visão que Robson tinha do próprio negócio, o que gerou resultados positivos ao aumentar a competitividade de sua marca no setor. Segundo o empresário, os supermercados veem mais credibilidade nos seus produtos, o que garantiu parcerias com novos pontos de venda da região.

Saiba mais

Gostou desse case? A experiência pode ser visitada ao acessar o Sebrae Minas Design, e você pode dar uma olhada na galeria de imagens do projeto. Confira também outros conteúdos sobre o assunto:

  • Aqui temos um infográfico autoexplicativo sobre o tema.
  • Conheça aqui outras soluções de design no campo.

O conteúdo foi útil para você?

  • Sim
  • Não

Enviado com sucesso! Agradecemos sua ajuda.


Compartilhe: