this is an h1

this is an h2

Wed Sep 15 12:26:02 BRT 2021
Planejamento | FERRAMENTAS DE PLANEJAMENTO
Fichas técnicas para gastronomia

Conheça mais sobre as fichas que auxiliam a diminuir os custos e aumentar a lucratividade

· 15/09/2021 · Atualizado em 15/09/2021
Imagem de destaque do artigo

A ficha técnica de alimentos é utilizada no setor de gastronomia para melhorar a gestão do negócio, seja bar, restaurante ou indústria de alimentos. Por meio de uma tabela, é possível estabelecer boas práticas na cozinha, controlando quantidade e qualidade do que é servido no empreendimento.

Basicamente, as fichas técnicas determinam todos os procedimentos que devem ser seguidos para realizar a preparação de determinado prato ou drink do cardápio. Assim, as receitas ficam padronizadas e o sucesso do serviço é estabelecido.

Mais sobre os benefícios

De acordo com o chef e consultor do Senac na área de turismo e gastronomia, Lucas Ribeiro, a ficha técnica de alimentos normalmente é usada com dois objetivos: estabelecer padrão e qualidade e descobrir o custo unitário de cada prato ou drink preparado na cozinha.“Uma determinada receita pode ser feita sempre com as mesmas proporções e garantir um nível de qualidade e previsibilidade para o resultado final. E a ficha ajuda a calcular o custo fracionado de cada ingrediente utilizado, estabelecendo uma melhor margem de lucro para o negócio.”

Seja qual for o objetivo, para controlar o estoque de ingredientes, ter fácil acesso às operações ou controle de custos para aumentar a lucratividade do seu negócio, é preciso tirar um tempo para fazer a ficha de cada item do menu.

Informações na ficha

Apesar de ser uma atividade trabalhosa, fazer a ficha técnica é mais fácil do que parece. O chef Lucas listou as informações básicas que devem compor a ficha técnica.

  • Nome do prato/drink
  • Rendimento total da receita
  • Custo da receita (valor da porção)
  • Equipamentos e utensílios utilizados Ingredientes e suas unidades de medida Modo de preparo
  • Fator de correção de insumos (perda ou ganho devido a manipulação)

Para quem já tem a ficha técnica de cada produto do estabelecimento e quer aprimorar ainda mais as informações, pode incluir orientações especiais para receitas mais elaboradas e o valor nutricional do prato ou drink.

Agora é só sentar com a sua equipe e colocar todas as informações necessárias na tabela.

Para os donos de restaurantes que querem aprender mais sobre a gestão do seu empreendimento, o Sebrae oferece o curso “Gestão de bares e restaurantes”, totalmente gratuito e online.

E se você quer começar a investir na modalidade de restaurante self service, vamos deixar para download abaixo um e-book com informações completas sobre o assunto.


O conteúdo foi útil pra você? Sim Não
Obrigado!

Foi um prazer te ajudar :)

Precisa de ajuda?

Nós temos especialistas prontos para atender você e o seu negócio de forma online e gratuita.

Acesse agora