ac am rr pa ap ma pi ce rn pb pe al se ba to mt ro ms go df mg es rj sp pr sc rs
  • RSRio Grande do Sul
  • SCSanta Catarina
  • PRParaná
  • SPSão Paulo
  • MSMato Grosso do Sul
  • RJRio de Janeiro
  • ESEspírito Santo
  • MGMinas Gerais
  • GOGoiás
  • DFDistrito Federal
  • BABahia
  • MTMato Grosso
  • RORondônia
  • ACAcre
  • AMAmazonas
  • RRRoraima
  • PAPará
  • APAmapá
  • MAMaranhão
  • TOTocantins
  • SESergipe
  • ALAlagoas
  • PEPernambuco
  • PBParaíba
  • RNRio Grande do Norte
  • CECeará
  • PIPiauí
menu Sebrae

Cursos e Eventos

Cursos e eventos do seu estado

Confira a programação do Sebrae no seu estado e inscreva-se já.

Cursos Online

Matricule-se nos cursos online 100% gratuitos e estude sem sair de casa.

Sun Apr 12 15:37:11 GMT-03:00 2020
Organização
Entenda a importância da gestão de estoque
A gestão desse ponto pode significar a diferença entre o lucro e o prejuízo de um negócio. Confira nossas dicas para uma gestão eficiente de estoque.

O estoque tem um papel importante para o sucesso do negócio, ainda mais em época de crise. Agora, mais do que nunca, você precisa estar atento às suas mercadorias, para descobrir se haverá uma queda no giro do estoque e qual será o comportamento de compra de seus clientes, para adaptar sua empresa aos novos hábitos de compras das pessoas.

Uma boa gestão de estoque passa por equilibrar compras, armazenagem e entregas, controlando as entradas e o consumo de materiais, movimentando o ciclo da mercadoria. Além disso, deve ter como objetivo um prazo de pagamento dos fornecedores compatível com os recebimentos dos clientes.

Confira algumas dicas para não perder o controle sobre as suas mercadorias e vendas.

Giro de estoque

Um dos indicadores de desempenho mais relevantes para a gestão do estoque é o já mencionado giro de estoque. Para que esse indicador possa evoluir, é preciso estar atento a todos os aspectos que podem ajudar ou prejudicar a velocidade do giro, como:

  • A compra
  • A organização do estoque
  • A exposição dos produtos
  • As promoções
  • O atendimento
  • A entrega

Inventário

Para organizar, a movimentação de estoque deve ser sistematizada por meio de normas de entrada e saída. É nesse contexto que entra em cena o controle físico e financeiro de estoque, com o objetivo principal de trazer informações sobre a quantidade disponível de cada item e seu correspondente valor financeiro.

Você pode criar tabela padronizada com todos os itens que compõem o seu estoque, personalizando-a de acordo com as suas necessidades. Mas é interessante incluir alguns pontos básicos, além do preço, como: o nome da mercadoria, a quantidade e, claro, a sua categoria. O inventário permite:

  • Saber quais itens tem no estoque e as quantidades de cada um.
  • Prever qual produto vai faltar e qual vai sobrar.
  • Conhecer mais o seu cliente e saber quais são seus gostos e hábitos de consumo.
  • Planejar-se com antecedência.
  • Evitar prejuízos.

Curva ABC

Um bom controle de estoque permite ao gestor calcular o giro das mercadorias e aperfeiçoar o processo de compras, diminuindo a pressão sobre o capital de giro da empresa. Implantar esse controle também viabiliza a classificação dos produtos utilizando-se de uma ferramenta conhecida como Curva ABC, que se baseia na premissa de que, em geral, 80% das consequências são diretamente influenciadas por apenas 20% das causas.

O objetivo desse método de classificação é, portanto, identificar os itens de maior impacto para os resultados da empresa a partir de indicadores como:

  • Giro de estoque
  • Lucratividade
  • Representatividade no faturamento

De acordo com a mesma lógica, a falta de controle impossibilita ao gestor conhecer o consumo médio dos materiais e pode fazer a empresa comprar mais do que o necessário, aumentando, de maneira desnecessária, o uso de capital de giro.

Gestão eficiente

Confira dcas para administrar bem seu estoque.

  • Conte com um processo de recebimento no qual se checa se o pedido foi entregue ou se falta algum item.
  • Realize inventários periódicos para confirmar se a quantidade de produtos registrada no sistema coincide com o estoque.
  • Diariamente, faça uma verificação do estoque por amostragem de alguns itens. Isso aumenta as chances de serem encontrados e solucionados problemas com maior velocidade.

  • A partir do conhecimento sobre a necessidade da empresa, busque fornecedores que permitam compatibilizar as quantidades de produtos e os prazos de pagamento com seu giro de estoque e com seu fluxo de caixa.
  • Manter parceria com um bom distribuidor permitirá fazer compras menores e manter o estoque enxuto. Tenha também outros fornecedores no radar para não criar uma relação de dependência e exigência de compra que não respeite a sua realidade.

Saiba Mais

A sua relação com os fornecedores é muito importante para a boa gestão do seu estoque. E nesta crise esse relacionamento está sendo pautado por muita negociação. E para que você possa chegar a bons acordos com eles, veja os dois conteúdos abaixo:

Compartilhar
Favoritar

    Salvo na lista de favoritos

O conteúdo foi útil para você?

Conteúdo relacionado

Fale com o Sebrae

Converse online, por chat ou email, com os técnicos do Sebrae
para tirar dúvidas e receber orientações sobre o seu negócio.
É gratuito!

Converse agora