this is an h1

this is an h2

Thu Feb 15 14:39:56 BRST 2018
Cooperação | CENTRAL DE COMERCIALIZAÇÃO
Como funciona uma central de negócios

Para o sucesso desse modelo de organização é fundamental que os integrantes se adaptem às necessidades de compras uns dos outros.

· 09/12/2013 · Atualizado em 15/02/2018
Funcionamento

Uma central de negócios pode proporcionar melhor negociação entre os fornecedores com melhoria no preço de compra de mercadorias, construção de uma marca própria, treinamento de empregados, troca de experiências, entre outras vantagens. Porém, participar da central obriga o empresário a modificar a forma de gerenciar seu próprio negócio.

Veja o exemplo prático a seguir:

Um grupo de pequenos supermercadistas quer se unir para fazer compras em comum. Para se beneficiar do aumento de escala que a compra conjunta possibilita, eles terão que comprar todos na mesma época, inclusive com os mesmos prazos de pagamento.

Na prática, isso os obrigará a uma adequação coletiva das compras. Pode ser que um deles, naquele momento, não esteja precisando do produto, ou que outro deseja outra marca, ou mesmo que um terceiro precise de outro prazo. Assim, eles precisarão ter consciência do processo de funcionamento da central, pois terão que se adaptar às necessidades de compras uns dos outros.

Adequação

Essa tem sido uma das dificuldades na organização das centrais de negócios, pois essa adequação pode levar um tempo maior do que os empresários imaginam e, também, uma negociação constante para a qual, na maioria das vezes, eles não estão acostumados. Outro fato é o tamanho das empresas associadas. Uma diferença muito grande de porte das empresas também pode inviabilizar o modelo, pois as necessidades de compra são também muito diferentes.

Participação

O funcionamento da central de negócios exige a participação em uma série de reuniões para decidir estratégias e ações. Como a maioria dos associados tende a ser de pequenos empresários envolvidos em todos os aspectos da empresa, a falta de tempo para participar da vida da organização pode ser elemento de discórdia de muitas delas.

Uma central de negócios é outro “negócio” que o grupo cria e deve ser tratado como tal. Sem a dedicação dos empresários, a entidade não gera os resultados esperados.

Estratégia de mercado

A administração da central de negócios deve estar baseada em uma estratégia de mercado, e não apenas na redução de custos. Como qualquer processo associativo, a confiança mútua entre os participantes é o ingrediente fundamental para o sucesso do modelo.

Também é importante lembrar que a parte tributária de uma central é um de seus maiores complicadores, principalmente porque:

  • Não há indicações claras sobre todos os tributos (impostos, taxas e contribuições).
  • Existem várias possibilidades de atuação das associações.
  • Muitos tributos têm legislações diferentes nos vários níveis de governo (federal, estadual e municipal).
Saiba mais

Criação e objetivos

Série Empreendimentos Coletivos

Leia a íntegra da cartilha Central de Negócios (em PDF).

Cooperar bom negócio 


O conteúdo foi útil pra você? Sim Não
Obrigado!

Foi um prazer te ajudar :)

Precisa de ajuda?

Nós temos especialistas prontos para atender você e o seu negócio de forma online e gratuita.

Acesse agora