ac am rr pa ap ma pi ce rn pb pe al se ba to mt ro ms go df mg es rj sp pr sc rs
  • RSRio Grande do Sul
  • SCSanta Catarina
  • PRParaná
  • SPSão Paulo
  • MSMato Grosso do Sul
  • RJRio de Janeiro
  • ESEspírito Santo
  • MGMinas Gerais
  • GOGoiás
  • DFDistrito Federal
  • BABahia
  • MTMato Grosso
  • RORondônia
  • ACAcre
  • AMAmazonas
  • RRRoraima
  • PAPará
  • APAmapá
  • MAMaranhão
  • TOTocantins
  • SESergipe
  • ALAlagoas
  • PEPernambuco
  • PBParaíba
  • RNRio Grande do Norte
  • CECeará
  • PIPiauí
menu Sebrae

Cursos e Eventos

Cursos e Eventos presenciais

Confira a programação do Sebrae no seu estado e inscreva-se já.

Cursos Online

Matricule-se nos cursos online 100% gratuitos e estude sem sair de casa.

Mon Oct 10 09:43:12 GMT-03:00 2016
Planejamento
Conheça os elementos básicos do plano de negócios de e-commerce
Documento deve ser sucinto e acessível a todos que integram a empresa.

O plano estratégico de e-commerce deve ser objetivo e sucinto, de modo a ser lido e acompanhado por todos aqueles envolvidos com o e-commerce na empresa. Procure mantê-lo no limite de 10 a 15 páginas.

Os elementos básicos desse plano incluem:

  •  1. Breve descrição do projeto de e-commerce a ser desenvolvido - não mais de uma página.
  •  2. Exposição detalhada dos objetivos a serem atingidos por meio da operação de e-commerce (corte de custos, aumento da base de clientes, adequação às demandas do mercado e etc.).
  •  3. Análise de mercado - descreva as oportunidades do mercado de e-commerce para a sua empresa e o perfil dos consumidores visados.
  •  4. Análise da concorrência - indique quem são seus concorrentes, quais deles utilizam o e-commerce e quais são suas características.
  •  5. Estratégia de divulgação - indique as ações a serem empreendidas para divulgar o site e atrair; indique se utilizará sites de busca, propaganda online e etc.
  •  6. Estratégia de preços - defina sua política de preços e descontos e defina quais serão as modalidades de pagamento, tais como boleto bancário, cartão de crédito e etc.
  •  7. Estratégia de vendas - explicite como será feita a recepção e processamento de pedidos.
  •  8. Estratégia de logística - indique como será feita a entrega física dos produtos ao comprador.
  •  9. Estratégia de pós-venda - caso o tipo de produto ou serviço vendido requeira atendimento pós-venda, explicite como será feito esse atendimento).
  • 10. Aspectos técnicos - descreva todos os aspectos técnicos envolvidos relevantes para a tomada de decisão e o acompanhamento do plano.
  • 11. Estabelecimento de critérios de avaliação para a sua operação de e-commerce (número de visitas por mês, número de visitas não repetidas, número de transações geradas, número de pedidos e etc.).
  • 12. Orçamento - faça um orçamento que cubra o período de instalação da operação de e-commerce, o início de operações e a entrada em funcionamento normal da operação.
  • 13. Outras análises financeiras necessárias (projeção de fluxo de caixa, análise do ponto de equilíbrio e etc.).

É recomendável que o plano seja revisto periodicamente, já que a dinâmica do e-commerce é muito grande, e é necessário reavaliar com frequência o que foi alcançado com relação aos objetivos propostos e às ações planejadas.

Compartilhar
Favoritar

    Salvo na lista de favoritos

O conteúdo foi útil para você?

Conteúdo relacionado

Fale com o Sebrae

Converse online, por chat ou email, com os técnicos do Sebrae
para tirar dúvidas e receber orientações sobre o seu negócio.
É gratuito!

Converse agora