this is an h1

this is an h2

Tue Jun 21 02:01:56 BRT 2022
Inovação | TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO
Elon Musk projeta internet no Amazonas que pode alavancar turismo

Conheça a empresa que o bilionário deseja levar para a Amazônia para oferecer conexão rápida e abrir possibilidades para serviços de hotéis, agências e guias.

· 16/06/2022 · Atualizado em 21/06/2022
Imagem de destaque do artigo

O bilionário sul-africano Elon Musk visitou o Brasil no início de maio e anunciou que pretende instalar as operações da Starlink no Amazonas, ainda este ano. O sistema usa satélites de baixa órbita para oferecer internet de banda larga de alta potência a regiões remotas, o que permitirá revolucionar os serviços de turismo na região. 

Musk é dono do grupo SpaceX, empresa aeroespacial que engloba a Starlink, e tem sido apontado como provável comprador da rede social Twitter. O sistema de transmissão usa antenas portáteis e funciona hoje nos Estados Unidos e no Canadá, em determinadas áreas. 

Por lá, a legislação obriga a instalação de antenas em locais físicos, o que tende a mudar. No Canadá, já se discute a possibilidade de colocação de antenas em caminhonetes, por exemplo, para levar a internet para locais sem conexão. Na região amazônica, é possível pensar em antenas em barcos de passeio para manter turistas conectados e oferecer serviços personalizados.

Como funciona

Aquele rastro de pequenos pontos de luz que tem sido visto em movimento pelos céus brasileiros são os satélites da Starlink. Normalmente, esse tipo de equipamento fica a uma distância de 36 mil quilômetros (km) de distância da Terra e, se fosse usado para a transmissão de internet, geraria um atraso na transmissão de informações capaz de irritar o usuário. 

As empresas de Musk têm hoje  acordo com a agência reguladora norte-americana para instalar satélites de baixa órbita, em alturas de 350, 550 e 1.150 km da superfície terrestre, que também se comunicam entre si e dão velocidade à transmissão de informação. São mil equipamentos do tipo no ar atualmente, e a expectativa é passar de dez mil até o fim do ano. 

TURISMO

Ter internet de banda larga possibilita conectividade a um turista que já não consegue ficar desconectado do mundo virtual e agrega valor a destinos exóticos, conforme informações do próprio governo federal, que disponibilizou o sistema por satélite na ilha de Fernando de Noronha (PE) em dezembro passado (https://www12.senado.leg.br/radio/1/noticia/2020/02/10/cdr-discute-programas-para-a-expansao-da-internet-no-interior-do-brasil). É possível para o usuário, por exemplo, fazer transmissões de fotos e vídeos em tempo real durante viagens, mas essa não é a única vantagem.

Durante a pandemia de covid-19, o turismo foi o setor que mais se digitalizou, com 85% das empresas aderindo ao modelo online, segundo a 11ª Pesquisa de Impacto da Pandemia do Coronavírus nas Micro e Pequenas Empresas, feita em parceria do Sebrae com a Fundação Getulio Vargas. Com a banda larga, porém, é possível desenvolver vários empreendimentos diferentes.

INTERNET DAS COISAS

A Internet das Coisas, ou IoT na sigla em inglês, é o nome dado à tecnologia que permite que dispositivos, equipamentos ou mesmo eletrodomésticos possam receber e enviar dados online. A primeira possibilidade é agilizar as tarefas do dia a dia, como a administração de dados e check-in em hotéis, agências de viagens e passeios. Pode-se também coletar dados e enviar informações sobre atrações locais e horários, de acordo com a localização do turista. 

REALIDADE AUMENTADA

O acesso à internet com velocidade permite a criação de inúmeros empreendimentos, por exemplo, com uso de realidade aumentada. A tecnologia possibilita que o usuário visualize um ambiente físico por meio de dispositivos, como câmeras de celulares e tablets, e receba instantaneamente informações sobre um local. Dados como data de construção e estilo arquitetônico de um prédio histórico, por exemplo, podem ser acessados por viajantes e facilitar o trabalho dos guias.

Outro uso é o envio de notificações push para os turistas, com promoções e vouchers. Ou, por meio de óculos de realidade virtual, dar um gostinho dos passeios para atiçar a curiosidade dos visitantes. 

GAMIFICAÇÃO

Já há uma startup em Santa Catarina que desenvolve roteiros que usam jogos para dar mais informações a turistas em meio a passeios. Com a gamificação, os usuários podem responder perguntas e decifrar enigmas pelo caminho, em troca de prêmios ou simplesmente como diversão. Pode-se ainda conversar com personagens animados, um atrativo e tanto para o público infantil. 

SEGURANÇA

Por meio da internet via satélite, é possível oferecer mais segurança aos turistas. Além de permitir a localização de pessoas, o reconhecimento facial pode ser usado para habilitar pagamentos ou a entrada de viajantes em grupos distintos, que partirão para destinos diversos. Aplicativos rastreadores e mapas interativos também são formas de deixar o turista mais seguro.

Com base nessas informações, os empreendedores da região amazônica e de outros estados podem se inspirar para criar passeios e processos online. A tecnologia é uma parceira para os seus negócios!

Saiba mais

Curso: Inovação e possibilidades de crescimento

“Você compreenderá o que é a importância de implementá-la em seus negócios, seguindo as etapas para explorar possibilidades e produzir resultados satisfatórios. Vai se conscientizar do valor e dos benefícios da inovação para o seu negócio e vai identificar e desenvolver ações organizadas para analisar e aproveitar oportunidades.”

Curso: Como devo agir para liderar e promover a criatividade e a inovação?

“Criatividade e inovação são dois pilares fundamentais para manter um negócio de sucesso. Neste curso, você vai aprender como se tornar um líder que ofereça um ambiente estimulante para a criação de ideias criativas e inovadoras, impulsionando assim seus resultados.” 

Webinar: Empreendedorismo e transformação digital – Não é só assunto de grandes empresas

Telegram

 Participe você também, acompanhe as notícias
e dicas para sua área de atuação.

Confira abaixo os canais já existentes no Telegram: 


 Sebrae Turismo

https://t.me/sebraeturismo


 


O conteúdo foi útil pra você? Sim Não
Obrigado!

Foi um prazer te ajudar :)

Precisa de ajuda?

Nós temos especialistas prontos para atender você e o seu negócio de forma online e gratuita.

Acesse agora