this is an h1

this is an h2

Mon Jan 10 14:56:12 BRT 2022
Empreendedorismo | EDUCAÇÃO EMPREENDEDORA
Tendências do Varejo Brasileiro em 2022

André Friedheim, presidente da Associação Brasileira de Franchising aponta perspectivas do varejo para o futuro próximo.

· 18/12/2021 · Atualizado em 10/01/2022

Ao mesmo tempo em que nós temos desafios macroeconômicos no próximo ano como alta de juros, inflação mais alta e aumento de inadimplência, temos demanda reprimida para produtos de varejo e serviços muito em função da pandemia. Obviamente revisamos um pouco para baixo a perspectiva de aumento de vendas para o ano que vem, mesmo assim acreditamos num aumento de vendas, comparado com 2021, na casa de 5%.

Para o final deste ano, esperamos voltar a níveis de 2019, que é acima do de 2020.

O setor de franquias também sentiu os efeitos da pandemia, mas as empresas conseguiram se reinventar e sobreviver no período

A pandemia causou bastante impacto, e o primeiro foi a perda de faturamento, o fechamento de shoppings centers, mas a própria Associação Brasileira de Franchising (ABF) e as franqueadoras foram buscar alternativas para isso. A gente também foi buscar financiamento em bancos públicos e privados, negociamos com essas instituições em nome da própria ABF. A própria ABF também trabalhou junto a Associação Brasileira de Shoppings Centers (ABRASCE) para a redução de custos de aluguel, de condomínio, coisa que aconteceu durante a pandemia. O franchising sofreu o impacto ao mesmo tempo em que respondeu bem. Hoje, são inauguradas no Brasil 25 novas franquias todos os dias nos 365 dias do ano. Quando a gente tem desemprego e taxas de juros baixas no banco para a pessoa viver de renda, para empreender ela acaba tendo que montar um negócio, e a franquia passa a ser uma boa opção.

O cliente no centro do negócio

As franquias foram as empresas que sobreviveram bem durante a pandemia pelo fato de trabalharem em escala, de terem marcas fortes, de renegociarem com fornecedores de forma mais efetiva, de criarem novos formatos, novos modelos de negócios para acessar o consumidor. As franquias se reinventaram muito, focaram suas atuações em reduzir custos, em ser mais efetivos na conquista do cliente, embarcaram muita tecnologia, começaram a trabalhar o delivery, começaram a trabalhar as dark stores, isso tudo deu força para o franchising. Obviamente a gente sofreu como qualquer setor, mas a gente mexeu nas estruturas das empresas franqueadoras e estão saindo mais fortes dessa crise, pois saíram mudadas com novo mindset, muito digitalizadas, colocando o cliente no centro e buscando formas e alternativas diversas, e canais diversos para atingir esse cliente.

Fatores de sucesso para quem atua no setor de franquias

Franqueados, para terem sucesso, tem que se dedicar à operação, montar negócio que tenha afinidade, uma área que goste de trabalhar, tem que ter visão generalista, conhecer um pouco de tudo, entrar em um franqueadora que se comprometa a dar suporte e apoio para ele exercer o negócio. Esse franqueado tem que ter uma veia comercial importante, automotivada, disciplinada e goste de seguir os padrões para ter sucesso.


O conteúdo foi útil pra você? Sim Não
Obrigado!

Foi um prazer te ajudar :)

Precisa de ajuda?

Nós temos especialistas prontos para atender você e o seu negócio de forma online e gratuita.

Acesse agora