ac am rr pa ap ma pi ce rn pb pe al se ba to mt ro ms go df mg es rj sp pr sc rs
  • RSRio Grande do Sul
  • SCSanta Catarina
  • PRParaná
  • SPSão Paulo
  • MSMato Grosso do Sul
  • RJRio de Janeiro
  • ESEspírito Santo
  • MGMinas Gerais
  • GOGoiás
  • DFDistrito Federal
  • BABahia
  • MTMato Grosso
  • RORondônia
  • ACAcre
  • AMAmazonas
  • RRRoraima
  • PAPará
  • APAmapá
  • MAMaranhão
  • TOTocantins
  • SESergipe
  • ALAlagoas
  • PEPernambuco
  • PBParaíba
  • RNRio Grande do Norte
  • CECeará
  • PIPiauí
menu Sebrae

Cursos e Eventos

Cursos e Eventos presenciais

Confira a programação do Sebrae no seu estado e inscreva-se já.

Cursos Online

Matricule-se nos cursos online 100% gratuitos e estude sem sair de casa.

Mon Jan 27 14:16:38 GMT-03:00 2020
Finanças
Preço e Produto: uma relação lucrativa
Preço e produto devem seguir uma estratégia que priorize o custo benefício do produto, sem abalar a lucratividade de sua empresa.
COMPARTILHAR
  • Finanças
  • Preço de venda
  • Definição do Produto

Finanças

Com dificuldades de definir o preço do seu produto? Fique atento nas dicas que separamos pra você. Esse processo pode ser mais fácil do que você imagina.

O Primeiro passo é definir o quanto custa produzir o seu produto, com base nessa definição chegou a hora de formar o preço de venda do seu produto.

Determinar o preço de venda do seu produto é uma estratégia muito importante para o sucesso da sua empresa.

Preço e produto devem seguir uma estratégia que priorize o custo benefício do produto, sem abalar a lucratividade de sua empresa

O risco de se cobrar o preço errado pode significar prejuízo ou grandes perdas para o seu negócio, portanto, vamos ficar atentos e utilizar a estratégia correta.

Preço de venda

Como estipular o preço de venda?

Estipular o preço de venda do seu produto é calcular quanto sua empresa cobrará do consumidor final.

Para isso é primordial conhecer todos os custos envolvidos na produção, e todas despesas para venda, além de determinar qual a margem de lucro que será gerado.

É importante lembrar que o preço final determina também o quanto competitiva será sua empresa frente ao seus concorrentes.                                                                                            

Para ilustrar e explicar melhor, abaixo demonstramos um modelo de estrutura de Formação do Preço de Venda de um produto ou serviço:

Onde,

Custos: Um custo é quanto a sua empresa gasta para produzir o que será oferecido aos clientes.

Despesas: Uma despesa é quanto a sua empresa gasta para vender um serviço ou produto e, assim, gerar receitas.

Lucro: É o retorno que a sua empresa terá ao vender um produto ou serviço. O lucro é o dinheiro que irá financiar o crescimento do negócio.

Definição do Produto

A definição de preço é uma estratégia que deve ser continuamente verificada, pois interfere diretamente na otimização do fluxo de seu negócio.

Ao definir o produto que vai ser ofertado ao consumidor final, observe a qualidade física, conceitual e estrutural.

Observados estes três pontos o cliente será conquistado na essência de sua necessidade, não somente pelo produto.

Para atender o consumidor o produto deve conter os seguintes componentes:

Benefício central: é a utilidade do produto real e específica do produto. O benefício central está diretamente relacionado à necessidade que o consumidor quer suprir.

Transformação do benefício central em produto básico: em outras palavras, as demais funções do produto, além da função central.

Produto esperado: significa as condições mínimas ou básicas e esperadas de um produto, por exemplo, que ele funcione adequadamente.

Produto ampliado: excede as expectativas do cliente. Este nível é geralmente aplicado no posicionamento da marca.

Sistema de consumo: é a maneira como o usuário desempenha as tarefas de obter, usar, adaptar e descartar o produto.

Neste processo de definição do produto, o empreendedor deve identificar:

  • Em que consiste o produto;
  • A quem se destina;
  • Para que serve;
  • Qual o desempenho.

O que pode influenciar o cliente a optar por este produto frente aos dos concorrentes e também definir o momento em que este é utilizado.

Todas estas informações vão permitir a identificação dos critérios a serem avaliados e desenvolvidos em relação aos produtos da empresa.

Esse trabalho é considerado difícil e minucioso, pois envolve muitos detalhes que visam um bem comum, a lucratividade.

Para determinar de forma precisa o preço de sua mercadoria, é necessário levar em consideração custo, valor e concorrência.

Para que sua remarcação de preço seja estratégica e não te traga prejuízo.

Quando falamos em preço, produto e remarcação, estamos falando também do cliente, que deve ser respeitado e se sentir bem atendido sempre.

Afinal a estratégia é visar o menor custo benefício ao consumidor final.

Guerra de Preços Baixos 

Antes de cair no que se entende por “guerra de preços baixos”, faça o consumidor perceber que:

  • Seu atendimento e produto tem diferencial no mercado;

  • Agregue valor conceitual a sua marca;

  • Invista em capacitação de equipe.

Deixe claro:

  • Essas ferramentas lhe darão suporte nas vendas;
  • Seu valor no mercado;

Faça o cliente perceber que ao comprar seu produto ele não está gastando e sim investindo em uma marca, um conceito.

Induza a decisão de compra, criar conexões entre os consumidores são objetivos principais na hora da decisão de baixar os preços.

Antes de baixar seus preços, questione-se, sobre pontos importantes:

  •  Existe realmente a necessidade de baixar preços?

  •  O meu cliente está verdadeiramente insatisfeito com meu preço?

  •  Meu preço e produto estão bem no mercado?

  •  Minha equipe está capacitada para vender conceito?

  •  O concorrente está correto em baixar desordenadamente?

Gestão de Preços

Este ponto deve estudar com detalhes  itens que farão com que sua estratégia de preço consiga  alcançar  sucesso, são eles:

  •  Mercado

  • Concorrente

  • Perfil do consumidor da loja

  • Qualidade do atendimento

  • Vantagens do preço

  • Facilidade ao cliente

  • Comodidade ao cliente

Equipe de Vendas

Esta deve ser preparada para efetivação das vendas, veja agora algumas características de uma boa equipe:

  •  Atendimento de excelência

  • Focada nas vendas

  • Capacitada a explorar as missões da empresa

  • Atenta aos desejos dos clientes

  • Oferecer promoções especiais .

  • Considerar e respeitar a fidelização dos clientes

Com essas dicas ficará mais fácil compreender preço, produto e a resposta do consumidor.

Com isso as decisões sobre preço serão espontâneas e seguras. Não restando dúvidas para efetivar a remarcação com um preço justo para ambos os lados.

Gostou das dicas? Confira em forma de quadrinhos como aumentar o preço de seu produto, e aprenda mais sobre o assunto: Baixe a revistinha em formato PDF.

O Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Estado do Amapá - Sebrae, apoia aos pequenos negócios. Então, confira em nosso Portal outros assuntos que vão ajudar seu negócio a crescer ainda mais.

Compartilhar
Favoritar

    Salvo na lista de favoritos

O conteúdo foi útil para você?

Conteúdo relacionado

Fale com o Sebrae

Converse online, por chat ou email, com os técnicos do Sebrae
para tirar dúvidas e receber orientações sobre o seu negócio.
É gratuito!

Converse agora