this is an h1

this is an h2

Pular para o conteúdo principal
Empreendedorismo | SUCESSO
Mirella Godoy: Sororidade na ideação de negócios

Mirella Godoy decidiu empreender como forma de fugir do constante estresse mental. Porém, foi além e decidiu ajudar outras mulheres, a partir do seu negócio

· 05/03/2021 · Atualizado em 05/03/2021

Mentalmente cansada dos excessos dos  empregos anteriores, que consistiam em  resolver grandes problemas das pessoas e  em lidar com a insatisfação delas, Mirella  Godoy encontrou no empreendedorismo a  solução. Nessa procura pelo seu bem-  estar, ela abriu um espaço de saúde e  beleza, na cidade de Serra Talhada, no  Sertão pernambucano. Segundo a  empreendedora, a convicção de que estava no caminho certo veio com a satisfação  em deixar outras mulheres felizes. 

Sempre focada em conseguir alcançar os seus objetivos, por meio dos estudos, Mirella descobriu o método de emagrecimento no qual ela ficaria mais conhecida na região, além da drenagem linfática, massagem modeladora e massagens relaxantes. “Entendendo que o que eu queria era trabalhar com o bem-estar, decidi procurar o que era de melhor e diferenciado no mercado e tive a oportunidade de experimentar o Método de Renata França de Drenagem Linfática e me apaixonei. Pois, diferente do método convencional, ele traz resultados mais rápidos”, contou. 

Entre os anos de 2015 a 2019, o número de mulheres donas de negócios cresceu 18,6%, enquanto que o de homens donos de negócios cresceu 3,0%, de acordo com a pesquisa Empreendedorismo Feminino no Brasil 2020 (Sebrae, 2019). O levantamento mostra ainda que, pela primeira vez, o número de mulheres donas de negócios ultrapassou 10 milhões de pessoas.  

Sem saber muito bem por onde começar nas redes sociais do seu negócio, a empreendedora, mais uma vez, estudou e obteve orientação do Sebrae em Pernambuco para a construção do seu perfil, partindo do zero. “Só vim fazer meu Instagram, quando fui abrir meu negócio (ou seja, há menos de dois anos), antes disso, eu não tinha e nem considerava em fazer um. E começar um negócio sem estar presente no mundo on-line, hoje, não dá! Então, comecei a aprender sobre esse mundo, inclusive fazendo muitos cursos na área: o Sebrae com certeza me ajudou a acelerar esse processo de aprendizagem do mundo virtual e a como eu deveria acompanha-lo”, destacou. 

Com apenas 27 anos, mais com vontade de sobra, a empresária trabalha no ramo há dois anos, e relata que mesmo a desconfiança de algumas pessoas, pela pouca experiência, pode ser superada. “Nós temos outra coisa que compensa a falta de experiência: temos energia! Temos muita energia para tentar fazer com que cada ideia dê certo. O desafio do empreendedorismo nos é prazeroso”, diz, entusiasmada. 

“O mercado de trabalho sempre é mais duro com as mulheres e sempre vai questionar suas escolhas”, desabafa Mirella. Concluindo sua fala sobre qual o objetivo do seu propósito. “É comum diminuírem minha opinião porque sou ‘só uma massoterapeuta’. Esquecem que nunca parei de estudar, de me informar, e estou nessa carreira por opção, recebo melhor do que quando fui assalariada, e ainda tenho uma qualidade de vida muito superior a de antes, pois minha flexibilidade permite-me ter mais tempo com a família e para cuidar de mim, coisas que eu não tinha antes”, analisa.  


O conteúdo foi útil pra você? Sim Não
Obrigado!

Foi um prazer te ajudar :)

Conteúdo relacionado