Cooperação
Conheça casos de sucesso de revitalização de centros comerciais
Espalhados por todo o Brasil, projetos de recuperação de espaços urbanos têm atraído cada vez mais pessoas para regiões com apelo varejista renovado.
  • Minas Gerais
  • Santa Catarina
  • Paraná

No projeto de recuperação de espaços comerciais, empresários e poder público local, articulados pelo Sebrae, atuam conjuntamente para valorizar o território e impulsionar o comércio de rua, fazendo surgir um ambiente mais competitivo e atraente para os consumidores.

Aqui, você vai conhecer casos de áreas urbanas antes degradadas que se transformaram em espaços de troca de experiências e intensa atividade comercial.

Minas Gerais

Em Ubá, a Praça do Rotary era mais conhecida como a Praça do Lixo. Com a revitalização do local, que vai se estender por toda a Rua São José, está sendo implementado um shopping a céu aberto, que vai movimentar a geração de empregos e de receitas na região da Zona da Mata. 

Santa Catarina

Em Florianópolis, a revitalização da Rua Vital Ramos mudou a vida do centro histórico da cidade e transformou os negócios dos comerciantes da região. O sistema de esgoto foi recuperado, a via pública reformada e as lojas renovadas, tanto na fachada quanto na decoração.

Na cidade de Chapecó, a revitalização foi no centro da cidade, mais conhecido como Multicentro. O espaço melhorou e, com isso, incentivou capacitação e ampliação de mercado.

Paraná

A recuperação do centro histórico de Curitiba transformou uma região deteriorada em uma das principais atrações turísticas da cidade. O processo contou com a participação de toda a comunidade de lojistas e do poder público local. Entenda como foi possível juntar os atores e fazer parcerias com entidades governamentais para mudar esse território.

Em Francisco Beltrão, os empresários de um trecho da avenida Julio Assis, o Alto da Julio, aceitaram a missão de oferecer à população um espaço convidativo para as compras com lazer e segurança. A região se tornou referência em todo país devido ao marketing coletivo e à governança.


O conteúdo foi útil para você?

Conteúdo relacionado

Fale com o Sebrae

Converse online, por chat ou email, com os técnicos do Sebrae
para tirar dúvidas e receber orientações sobre o seu negócio.
É gratuito!

Converse agora