this is an h1

this is an h2

Wed Oct 27 10:22:13 BRT 2021
Empreendedorismo | MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL
Saiba o que pode cancelar o seu registro do MEI

Conheça soluções para resolver esse problema e as vantagens de se manter regularizado

· 27/10/2021 · Atualizado em 27/10/2021
Imagem de destaque do artigo

Para quem é empreendedor e MEI é importante ficar atento a algumas questões de pagamento do MEI. Em tempos anteriores à pandemia, o MEI dificilmente era baixado por falta de pagamento.

Entretanto, uma nova mudança surgiu em agosto de 2021 e os empreendedores vão precisar de mais atenção, com relação a dívidas de cinco anos ou mais. A partir desse período, a Receita Federal do Brasil deixou em vigor para o MEI a dívida ativa, prevista por lei desde 2009.

No caso de empresários com esse período de cinco anos de dívidas, o empresário pode ter o seu CPF cancelado e ser desenquadrado do Simples Nacional, a legislação que sustenta as condições do MEI. Neste caso, o MEI passa a ser cobrado como uma empresa que precisa de contador e a cobrança de impostos perde a forma do Simples Nacional.

Pausa no MEI?

O Assistente Técnico do Sebrae MS, Dhiego Cista Graça, destaca que não é possível dar uma pausa no MEI e depois retomar. Dessa forma, não é possível cancelar e voltar, pois o CNPJ e alvará não estarão mais válidos para o processo. É preciso regularizar a situação (caso haja pendências) e então fazer todo o trâmite de abertura novamente.

Dhiego ressalta que após essa forma de cancelamento, só é possível abrir um novo registro com ajustes. “Se houver pendências, será preciso regularizar antes de abrir um novo registro. Isso pode ser feito com a quitação total dos débitos, mas também com acordo de parcelamento ativo, mesmo que seja em 60 vezes. Se o pagamento estiver sendo feito em dia, é possível abrir novo registro como MEI.”

Por que regularizar?

Ter o MEI regularizado pode trazer várias vantagens para o empreendedor, incluindo continuar usufruindo dos benefícios, como auxílio-doença, licença-maternidade, além de continuar contribuindo com o INSS e sua própria aposentadoria.

Consulte sua situação

Se você não sabe a sua situação fiscal, siga esse passo a passo para consultar:

  • Acesse essa página do Portal do Empreendedor
  • Preencha com seu CNPJ ou CPF
  • Digite os caracteres da imagem e clique em “Consultar”

Após isso, uma mensagem deverá aparecer informando sua situação.

Quer saber como fazer o pagamento do seu boleto? Acesse o artigo “Série MEI: Pagamento do boleto DAS”, nele você também encontra uma cartilha de como gerar um boleto só para todas as guias atrasadas.


O conteúdo foi útil pra você? Sim Não
Obrigado!

Foi um prazer te ajudar :)

Precisa de ajuda?

Nós temos especialistas prontos para atender você e o seu negócio de forma online e gratuita.

Acesse agora