this is an h1

this is an h2

Mon Feb 07 10:25:08 BRT 2022
Pessoas | ACORDOS MÚTUOS
O que é uma relação “ganha-ganha”?

Como a sintonia entre empresário e fornecedor ajuda aos dois a conseguirem melhores resultados e negócios

· 06/12/2013 · Atualizado em 07/02/2022
Imagem de destaque do artigo

No ambiente de negócios, muito se fala na relação “ganha-ganha”, mas o que significa essa expressão?

Ela significa que a negociação tem uma característica incomum: ninguém perde, todos ganham. É o que se pode dizer, por exemplo, da relação ideal entre uma empresa e seu fornecedor.

Em um processo de negociação é importante considerar os seguintes requisitos:

  • O que preciso ? Aquilo que quero adquirir ou alcançar, que é o foco da negociação.
  • Qual o prazo, qualidade e preço ideal para aquele produto e/ou serviço?
  • Do que não posso abrir mão? Os inegociáveis, que caso eu faça, terei um impacto negativo na negociação. E é nesse item que precisamos conseguir que o fornecedor, ou o outro negociador, ceda.
  • Do que posso abrir mão? Aquilo que eu posso ceder, o que pode ser negociável, sem prejuízo nos resultados.
  • Outro aspecto fundamental é se planejar, ir preparado para a negociação, ou seja, conhecer as questões anteriores, de ambas as partes da negociação. Ou ao menos, no começo da reunião de negociação, se dedicar a conhecer os requisitos um do outro.
  • Comunicação assertiva: objetividade e clareza na apresentação e recebimento dos requisitos.

Planejar é fundamental para a relação ganha-ganha em uma negociação

Algumas ações para ajudar você na relação com seus fornecedores.

1.    Forme uma equipe de colaboradores que tenha uma influência direta com seus fornecedores para trabalhar aspectos da relação ganha-ganha com eles.

2.    É interessante convidar pessoas de diversos processos que tenham influência direta na qualidade dos produtos e serviços dos fornecedores. Assim, os critérios, os requisitos e as especificações ficarão próximos de um melhor resultado.

3.    A seleção de fornecedores precisa seguir regras. Crie em conjunto com os colaboradores um documento que defina critérios, requisitos e especificações do fornecimento e que permita, também, avaliar os fornecedores.

4.    Planeje como compartilhar isso com os fornecedores para que possam decidir, diante da sua necessidade, o que fica melhor para os dois lados.

5.    Para executar os itens 2 e 3, é interessante conversar e chegar a um consenso antes de procurar os fornecedores. Lembre-se de mostrar aos fornecedores sua importância na sua empresa e nos processos, e que por isso eles são uma parte interessada na sua empresa.

6.    Execute o planejamento e finalize a seleção e a avaliação, marcando a data para o início.

7.    Execute o padrão estabelecido pelas duas partes.

Saiba mais sobre negociação acessando nosso e-book gratuito.


O conteúdo foi útil pra você? Sim Não
Obrigado!

Foi um prazer te ajudar :)

Precisa de ajuda?

Nós temos especialistas prontos para atender você e o seu negócio de forma online e gratuita.

Acesse agora