ac am rr pa ap ma pi ce rn pb pe al se ba to mt ro ms go df mg es rj sp pr sc rs
  • RSRio Grande do Sul
  • SCSanta Catarina
  • PRParaná
  • SPSão Paulo
  • MSMato Grosso do Sul
  • RJRio de Janeiro
  • ESEspírito Santo
  • MGMinas Gerais
  • GOGoiás
  • DFDistrito Federal
  • BABahia
  • MTMato Grosso
  • RORondônia
  • ACAcre
  • AMAmazonas
  • RRRoraima
  • PAPará
  • APAmapá
  • MAMaranhão
  • TOTocantins
  • SESergipe
  • ALAlagoas
  • PEPernambuco
  • PBParaíba
  • RNRio Grande do Norte
  • CECeará
  • PIPiauí
menu Sebrae

Cursos e Eventos

Cursos e Eventos presenciais

Confira a programação do Sebrae no seu estado e inscreva-se já.

Cursos Online

Matricule-se nos cursos online 100% gratuitos e estude sem sair de casa.

Mon Dec 02 11:51:43 GMT-03:00 2019
Inovação
Entenda como melhorar o carregamento do seu site impacta nas vendas
Veja como deixar o site da sua loja virtual mais leve e rápido para oferecer uma experiência melhor aos seus clientes.
  • Estratégias
  • Segurança e desempenho

Quem navega na internet espera encontrar informações de maneira ágil e segura. Por isso, o tempo que seu site demora para carregar pode ser decisivo no sucesso da sua loja virtual. Afinal, se uma página demora muito para abrir a tendência é sair da mesma.

O ideal é que o tempo de carregamento de uma página não ultrapasse os cinco segundos.

Sendo assim, é interessante buscar aperfeiçoar o desempenho do seu site e procurar mantê-lo sempre abaixo desse número. Neste conteúdo, separamos algumas dicas para otimizar a sua loja virtual e oferecer uma experiência leve e rápida aos usuários.

Fatores que influenciam no tempo de carregamento

Existem diversos elementos que influenciam no tempo de carregamento da página. Em geral, eles estão relacionados a funcionalidades implementadas pelo próprio empresário para chamar a atenção do usuário e se destacar em meio à concorrência.

Por exemplo:

  • Plugins externos;
  • Imagens em resoluções muito altas;
  • Scripts de terceiros;
  • Pop-ups.
  • Serviço de hospedagem com capacidade limitada;

 

Estratégias

Algumas ações simples podem otimizar o carregamento do seu site. Veja os exemplos:

  • Diminua a resolução de fotos e imagens dos produtos;
  • Analise a execução dos sliders, dos botões de compartilhamento das mídias sociais e do “call to action”, que deve ser o último item a carregar na página;
  • Retarde a execução dos pop-ups em alguns segundos.

CDN

Há fatores que pesam significativamente no desempenho do site de e-commerce, como: infraestrutura de internet, equipamentos utilizados pelos clientes e qualidade da conexão. Para resolver esses - possíveis - problemas, a solução pode estar no uso da Content Delivery Network (CDN) ou, em português, Rede de Distribuição de Conteúdo.

Trata-se de uma aplicação que trabalha com a distribuição do conteúdo postado em uma página da web por meio de uma rede descentralizada de servidores utilizados conforme a demanda. A CDN é utilizada desde a década de 90, principalmente por grandes empresas de comércio eletrônico e de mídia, como vídeos, músicas, filmes e outros conteúdos de entretenimento.

Segurança e desempenho

A principal vantagem da CDN é colocar o usuário mais próximo do que está no site - o que resulta em maior agilidade de carregamento da página.

Essa aplicação é disponibilizada no Brasil por empresas que atuam como provedoras. A mais utilizada no mundo -inclusive por grandes corporações da internet - é a Akamai, mas existem muitas outras que atuam no cenário brasileiro.

Testes

A otimização da velocidade do site é uma tarefa que precisa ser executada em parceria entre o empreendedor e a empresa responsável pela plataforma onde a loja online funciona.

O ideal é equilibrar o tempo de carregamento com a quantidade de arquivos enviados ao cliente (fotos, imagens, vídeos, textos e plugins) e o número de requisições ao servidor. Isso sem perder a qualidade de apresentação da página.

Atualmente, existem diversas ferramentas disponíveis na própria web - muitas gratuitas - que mostram a performance e apontam sugestões de melhorias para o e-commerce.

Aproveite estas plataformas e faça testes constantes no seu site:

Pagespeed Insights (do Google): indica quais são as ações prioritárias na otimização da velocidade da loja.

Pingdom: mostra quais são os arquivos que precisam ser reduzidos.

YSlow (do Yahoo): mede a eficiência do site em 13 aspectos.

Saiba mais

Além das dicas que nós listamos aqui, confira também outros artigos do Sebrae sobre lojas online:

 Assista, ainda, à série do Sebrae com 10 dicas para o e-commerce:

Compartilhar
Favoritar

    Salvo na lista de favoritos

O conteúdo foi útil para você?

Conteúdo relacionado

Fale com o Sebrae

Converse online, por chat ou email, com os técnicos do Sebrae
para tirar dúvidas e receber orientações sobre o seu negócio.
É gratuito!

Converse agora