ac am rr pa ap ma pi ce rn pb pe al se ba to mt ro ms go df mg es rj sp pr sc rs
  • RSRio Grande do Sul
  • SCSanta Catarina
  • PRParaná
  • SPSão Paulo
  • MSMato Grosso do Sul
  • RJRio de Janeiro
  • ESEspírito Santo
  • MGMinas Gerais
  • GOGoiás
  • DFDistrito Federal
  • BABahia
  • MTMato Grosso
  • RORondônia
  • ACAcre
  • AMAmazonas
  • RRRoraima
  • PAPará
  • APAmapá
  • MAMaranhão
  • TOTocantins
  • SESergipe
  • ALAlagoas
  • PEPernambuco
  • PBParaíba
  • RNRio Grande do Norte
  • CECeará
  • PIPiauí
menu Sebrae

Cursos e Eventos

Cursos e eventos do seu estado

Confira a programação do Sebrae no seu estado e inscreva-se já.

Cursos Online

Matricule-se nos cursos online 100% gratuitos e estude sem sair de casa.

Tue Aug 04 16:48:49 GMT-03:00 2020
Empreendedorismo
Prepare-se para o Dia dos Pais e venda produtos de alimentação online
Aproveite a data para investir nas redes sociais e fechar mais vendas de produtos que são sucesso nesta data como cervejas artesanais, vinhos, doces, etc.

O dia dos pais é uma das datas comemorativas mais importantes para o comércio. Neste ano as pessoas continuarão procurando um presente especial para seus pais, porém o principal canal de venda será a internet. 

No caso de alimentos e bebidas, há oportunidades para doces e chocolates, cervejas especiais, vinhos brasileiros, cestas, refeição especial e muito mais! E com a continuidade do distanciamento entre as pessoas, um diferencial é que a entrega seja operada pelo vendedor.

Isso porque mesmo com o comércio reabrindo, muitas pessoas não se sentem seguras para sair, ou evitam contato com pessoas mais velhas, como é o caso de muitos pais. Ainda, há quem more em cidades diferentes de seus pais, e a oportunidade de presentear a distância é fundamental em momentos tão especiais!

Portanto, é de extrema importância que sua empresa e seus produtos estejam nas redes sociais, é nesse ambiente que milhares de brasileiros procuram por produtos.

Não basta só criar o perfil, é preciso utilizá-lo de maneira eficiente para ganhar seguidores e atrair mais clientes.

O Sebrae separou algumas dicas importantes para realizar vendas online:

Estratégia de Preço

Antes de conversar com o cliente, é importante definir o atual objetivo da empresa. É somente pagar seus custos para não ter prejuízo, bater alguma meta ou lucrar? Então, analise seus gastos, e veja quais preços fazem sentido. Cuidado para não ser extremista: não aumente nem abaixe muito seus preços!

Preço faz parte da percepção de valor que o cliente vai apresentar em relação ao seu produto. Um produto muito barato pode passar uma imagem de baixa qualidade para os consumidores. Ao mesmo tempo, se o produto estiver muito caro, ele pode não se identificar com a proposta. Então, entenda o que seu cliente está buscando e adeque sua estrutura de custos à realidade do mercado. É importante lembrar?que?o empresário deve tomar cuidado para não “pagar para vender”.

Estratégia de Venda

Com a estratégia de preços definidas, chega a hora de vender!

Mostre para seu cliente como, principalmente em momentos de crise, devemos demonstrar que nos importamos com quem amamos. Que tal incentivá-lo a comprar o seu produto e pedir para entregar na casa do seu pai para surpreender? Que tal incluir a oportunidade de que o cliente envie o presente junto com uma mensagem personalizada?

Lembre seus clientes sobre a importância de presentear os outro mesmo de longe! Se for um chocolate, por exemplo, enfatize como o doce aquece o coração, e se consumido moderadamente, faz bem à saúde.

As pessoas estão mais sensíveis dentro de casa, precisando de carinho e afeto, será que não é uma boa opção mostrar para o cliente como seu produto pode melhorar o dia dele? 

Agora é a hora de realmente conhecer o seu cliente! Esse éo principal caminho para traçar qualquer estratégia do negócio. Entenda o melhor jeito de suprir suas necessidades. Algumas simples perguntas nos stories do Instagram já podem te ajudar a entendê-lo melhor. Manter contato constante também é muito importante, e você pode usar o WhatsApp para isso.

O que vai mudar, e já está mudando, é o comportamento de compra, pensando nisso, o jeito de vender também deve ser diferente.

Mostre para o seu seguidor que seu produto pode complementar outros presentes, mostre ideias de cestas ou caixas com seus produtos dentro.

Atenção às Redes Sociais

O Brasil é o segundo colocado entre os países que mais passa tempo em redes sociais. Uma pesquisa feita GlobalWbIndex, empresa de pesquisa inglesa, mostrou que em 2019 os brasileiros gastavam em média, 225 minutos por dia nas redes sociais.

Agora, por conta das recomendações de permanecer em casa as pessoas estão conectadas por ainda mais tempo. E, mesmo com o comércio fechado, os consumidores continuam com suas necessidades e desejos. Lembre-se: a demanda por produtos de menor necessidade pode até cair, mas o consumo não vai acabar.

O foco deve ser em garantir a segurança do cliente e dos funcionários. Nesse sentindo, não tem como escapar de:

  • Divulgação e vendas online 
  • Entrega (delivery)
  • Retirada (grab-and-go, take-out, take-away, etc.)

Mesmo esses meios sendo mais seguros, ainda é necessário se atentar a algumas práticas para evitar ainda mais o contato:

  • Pense em meios de pagamentos que evitem contatos, como o pagamento online.
  • No caso de retirada, marque com cada cliente o horário de buscar o produto, isso evita aglomerações.
  • Entregue junto ao seu produto um panfleto que explique como o produto deve ser higienizado antes do consumo. Aproveite para explicar os cuidados com boas práticas que ele já teve na produção.

Como todo o contato com o cliente será por meios remotos, é indispensável que as empresas usem as redes sociais para divulgar seus produtos, pensando em venda rápida, ainda para o Dia dos Pais.

A rede social, como o Instagram é uma plataforma para mostrar para cliente seu produto, conversar e socializar. Ou seja: rede social é para criar relacionamento com o cliente! A venda final, em si, deve ser feita em outro canal.

Para isso, deve-se falar a mesma língua que seu cliente, ser uma marca humana, que tenha características de pessoas, e empatia. Para saber mais sobre marcas humanas nas redes sociais, veja o conteúdo especial sobre redes sociais em alimentação que o Sebrae preparou.

A venda em si, pode ser feita pelo WhatsApp Business por exemplo. Não crie barreiras paro seu cliente, já mande as opções para pedido, de forma clara e prática, envie o link de pagamento, oriente sobre a forma de entrega ou retirada. De todas as maneiras, facilite a compra, assim fica mais fácil de manter seu cliente. 

Além de vender, usar o WhatsApp é ótimo para que você tenha os contatos de todos seus clientes. Isso estreita seu relacionamento com eles, e tendo o número de celular facilita na hora do contato. Avalie outros canais de venda interessantes, como os aplicativos de delivery.

Continue a sua leitura vendo: Dicas práticas para o Instagram.

Escrito por Bianca Pedroso e Mayra Viana, colaboradoras do Sebrae Nacional.
Foto de Jude Beck e Lefteris kallergis no Unsplash.

Compartilhar
Favoritar

    Salvo na lista de favoritos

O conteúdo foi útil para você?

Conteúdo relacionado

Fale com o Sebrae

Converse online, por chat ou email, com os técnicos do Sebrae
para tirar dúvidas e receber orientações sobre o seu negócio.
É gratuito!

Converse agora