this is an h1

this is an h2

Pular para o conteúdo principal
Tue Apr 13 14:06:20 BRT 2021
Empreendedorismo | ECONOMIA CRIATIVA
Aproveite o Dia das Mães para vender mais

O Dia das Mães é, depois do Natal, a maior oportunidade de geração de vendas para o comércio. Vender online é a grande pedida deste ano

· 09/04/2021 · Atualizado em 13/04/2021
Imagem de destaque do artigo

Festejar a mulher mais especial de nossas vidas e ainda conquistar novos clientes. Essa é a janela de oportunidade que se abre agora e permanece até o Dia das Mães, segunda data mais importante do calendário varejista. À frente dela, apenas o Natal movimenta mais as vendas, especialmente de presentes. De quebra, vale lembrar que a categoria mães forma uma das mais expressivas formadoras de opinião.

Duas tendências são especialmente fortes nesse Dia das Mães de 2021: o comércio online e a concorrência acirrada. Assim, se destaca - e vende mais - quem tiver o melhor domínio no manejo de ferramentas digitais e conhecimento de estratégias de venda. Além, é claro, de bons produtos e ideias de presente.

O Sebrae pode ajudar você a se destacar em todos esses quesitos. Então, vamos lá:

Marketing
  1. Anuncie e venda seu produto pela internet

Anunciar e vender são dois lados da mesma moeda, mas não são exatamente a mesma atuação. Vamos falar a seguir de ambas as coisas: anunciar seu produto ou serviço nas redes sociais é uma estratégia, vender pelos meios digitais - site, whatsapp, facebook, instagram - é outra. A internet também pode ser uma ferramenta preciosa em dois outros momentos da venda: atendimento e pós-venda/fidelização.

  • Anuncie - As mídias sociais são fontes valiosas para difundir seu produto ou serviço. São diversas as ferramentas e os modos de utilizá-las. Se ainda não domina o marketing digital, esse é sem dúvida o primeiro passo. Considere fazer um curso e ler artigos disponíveis no canal Sebrae para aprender a manejar as redes de conversação a favor dos seus negócios.
  • Venda - Um site com boa usabilidade é essencial, bem como lojas que funcionem de verdade, nas principais mídias sociais. Também, oferecer diversos meios de pagamento e boas formas de interação. Enfim, o comerciante até podia se dar ao luxo de ser analógico, antigamente, mas quem quiser crescer agora e manter no pós pandemia precisará entrar na era digital rapidamente e, mais ainda, de forma eficiente. Experiência do usuário e do cliente são conceitos inovadores mas que todo mundo, mesmo os comerciantes mais tradicionais, podem e devem dominar.  Entender mais sobre o assunto é mais simples do que parece.
  • Atenda - Nada mais irritante do que desejar fechar um negócio e cair em uma página de FAQ (perguntas frequentes) que não responde suas dúvidas. O comerciante tem que ser ágil e responsivo: telefone, whatsapp, chat e mídias são suas aliadas, mesmo se for apenas para conversar um pouco com interessados. Esse momento de interação pode ser ótimo para cativar potenciais clientes e oferecer produtos que ele nem estava procurando! Cursos podem ajudar você e seu negócio a se destacarem pela excelência no atendimento ao cliente.
  • Fidelize - Pergunte se o comprador gostou de usar a loja, peça meios de contato para fazer ofertas no futuro, troque ideias. Aprenda mais sobre fidelização e como essa tática de vendas pode impulsionar o sucesso do seu negócio. E lembre-se: brasileiros, mães e todo mundo adora uma promoção e ama ser o primeiro a saber: use os seus contatos para comunicar boas ofertas! Sempre, mas sem exagerar na frequência.

É muito importante aparecer nas mídias sociais ao lado de uma cliente satisfeita. Incentive através de promoções que as mamães presenteadas postem fotos e marquem o seu nome ou o nome da empresa nas postagens, contando ao mundo o que ganharam - e como ficaram satisfeitas.

Estratégias
  1. Estratégias de venda para o Dia das Mães

Se destacar é essencial em qualquer época, ainda mais em um período de crise como o causado pela pandemia do novo coronavírus. O apelo do Dia das Mães é muito forte, especialmente no momento atual em que muitas famílias estão separadas. Presentes simbólicos, que possam ser enviados a distância, ou objetos concretos que não demandem a presença física no ato da compra, estão na ordem do dia.

Pesquisa Mercado e Consumo realizada no mês de maio de 2020 mostrou que as vendas do comércio diminuíram 41%, contra um aumento de 117% no comércio eletrônico. Existe ainda o sistema híbrido: o cliente pode comprar pela internet, telefone ou whatsapp, e buscar na loja ou pelo sistema drive-thru, em que o um funcionário entrega no estacionamento ou em um local previamente combinado. Além, é claro, do delivery. Nesse caso, é sempre válido pensar em frete grátis ou com desconto acima de uma determinada quantia investida na compra.

O voucher e o vale-presente, também, são excelentes opções para oferecer ao cliente e, portanto, representam boas oportunidades de venda para o lojista. Conheça algumas estratégias de vendas recomendadas pelo Sebrae para vender na pandemia.

E mais: 5 dicas para vender mais no dia das mães

Ideias
  1. Ideias de presente

Como se fazer presente? Boas ideias podem ir muito além da escolha de uma lembrança. Não deixe para seu cliente a tarefa de ser criativo! Ofereça, você mesmo, boas ideias de presentes casados, kits, cestas, surpresas etc.

Em um kit, por exemplo, acaba indo um produto que seu cliente nem pensaria em comprar, mas combina bem com a seleção dos presentes. Então, em uma cesta de flores e bombons, um ursinho de pelúcia, bombons, vinho, podem ajudar a compor a cena, bem como uns laços de fita, um papel brilhante. Enfim, faça você o trabalho de tornar um simples cesto de vime em um presente de encher os olhos, sabendo que a soma dos fatores será maior do que era cada um dos elementos, em separado.

Da mesma forma, pense em kits temáticos como uma opção inesgotável. São inúmeras as ideias, mas seguem algumas. Se não para seguir à risca, ao menos para inspirar:

Livros com óculos de leitura

Bem bolados:

  • Caixa da beleza: uma caixa, pote ou lata cheia de batons, cremes, esmaltes etc.;
  • cesta de piquenique: o ideal é que a toalha seja xadrez, lógico. O recheio pode ser de talheres, abridor de garrafas, guardanapos. Ou então, comidinhas e bebidas deliciosas. Ah, pode ser de ambas as coisas, misturadas!
  • sacola de livros: a mãe leitora vai amar uma sacola de pano com livros, vale-livros, um marcador de páginas. Se ela gosta de escrever, vale juntar um caderno e uma linda caneta;
  • o mesmo vale para livros temáticos, de acordo, é claro, com os perfis de mães: cadernos de exercícios de yoga, livros de autoajuda ou de astrologia, e por aí vai;
  • uma cesta de costura repleta de novelos de lã ou linhas, agulhas de tricô, uma revista de moldes...
  • um kit esportista com roupas de ginástica, acessórios, meias, e outros mimos para a mãe que não para quieta;
  • para a mãe que treina a sério: suplementos de proteína, um gadget como relógio de corrida, um par de tênis;
  • aqui, também, vale misturar de acordo com o tipo de esporte que a mãe pratica - ou vive prometendo iniciar;

Portanto, a ideia inclui pensar no formato, na embalagem e no conteúdo. Enfim, na mistura completa!

Experiências:

  • um vale-curso, uma ideia, um vale-viagem para comemorar em dobro no pós-pandemia. O céu é o limite;
  • falando em céu, que tal uma passagem de avião? Mas pode ser uma viagem de barco, uma excursão pelas montanhas, enfim, qualquer plano que remeta ao futuro breve em que poderemos voltar a viajar;
  • um ticket para um show, peça de teatro ou musical, mesmo que 'em aberto', para ser planejado quando terminar o isolamento;
  • clássico que não sai de moda: qual mãe que não ama receber fotos dos filhos, ou dos netos, em porta-retratos? Podem inventar a máquina digital que quiserem, toda mãe quer uma foto 'de verdade' para olhar sempre que quiser;
  • na mesma linha: fotografias podem ser aplicadas em camisetas, capas para cadernos ou notebooks, vários suportes que a mamãe vai achar muito mais bonitos estampados com uma foto especial;
  • esses presentes podem ser associados a outros, dentro do escopo de cada comerciante. Ou, ainda, como parte de uma estratégia de associação, como nas sugestões do item seguinte:

Combinados:

  • você tem uma ótica? que tal se associar a uma livraria e oferecer aos seus clientes um kit livro-mais-óculos-de-leitura?
  • são incontáveis as possibilidades de parceria: com floriculturas, doceiras, boleiras, lojas de enfeites ou bijouterias;
  • a sugestão é reservar um tempo e se colocar no lugar do cliente - do filho e da mãe a ser presenteada. E pedir ajuda, é claro: pergunte a todas as mães no seu radar o que gostariam de ganhar!

O que ela guarda:

Tão importante quanto o presente é o cartão, que ela, claro, vai guardar para sempre. Então, pense em oferecer para o seu cliente cartões especiais, acompanhando - ou, mesmo, substituindo, todos os presentes e kits que vai criar. Uma ideia interessante é um cartão customizável: na capa, uma fotografia da família e/ou dos filhos ou netos e, dentro, miniaturas de desejos e promessas: uma mala de viagem, um micro bilhete de teatro...

Mãe
  1. Mãe é para sempre!

Lembre que, além de vender agora, sua missão é conquistar. Pense como pode tornar o seu cliente ainda mais fiel, agradar a mãe dele e as amigas dela!

Saiba como vender mais no Dia das Mães


O conteúdo foi útil pra você?
Obrigado!

Foi um prazer te ajudar :)

Conteúdo relacionado