ac am rr pa ap ma pi ce rn pb pe al se ba to mt ro ms go df mg es rj sp pr sc rs
  • RSRio Grande do Sul
  • SCSanta Catarina
  • PRParaná
  • SPSão Paulo
  • MSMato Grosso do Sul
  • RJRio de Janeiro
  • ESEspírito Santo
  • MGMinas Gerais
  • GOGoiás
  • DFDistrito Federal
  • BABahia
  • MTMato Grosso
  • RORondônia
  • ACAcre
  • AMAmazonas
  • RRRoraima
  • PAPará
  • APAmapá
  • MAMaranhão
  • TOTocantins
  • SESergipe
  • ALAlagoas
  • PEPernambuco
  • PBParaíba
  • RNRio Grande do Norte
  • CECeará
  • PIPiauí
menu Sebrae

Cursos e Eventos

Cursos e Eventos presenciais

Confira a programação do Sebrae no seu estado e inscreva-se já.

Cursos Online

Matricule-se nos cursos online 100% gratuitos e estude sem sair de casa.

Leis
Vinte e duas medidas provisórias aguardam análise
Parlamentares devem analisar medidas provisórias com a retomada dos trabalhos legislativos

Os parlamentares devem analisar 22 medidas provisórias (MPs) com a retomada dos trabalhos legislativos. Oito já tiveram comissões mistas instaladas e duas já passaram pelo exame das comissões e aguardam votação pela Câmara e Senado. Outras 12 medidas provisórias aguardam a instalação de comissões. Entre elas, está a MP 808/17, que altera regras da reforma trabalhista (Lei 13.467/17), em vigor desde novembro de 2017. A medida provisória que permite saque do PIS/Pasep aos 60 anos (MP 813/17) é outra que aguarda a instalação da comissão mista. Editada em 27 de dezembro, a medida reduz de 70 para 60 anos a idade mínima para o saque do fundo PIS/Pasep. Entre as MPs que já têm comissões mistas instaladas está a 805/17, que adia reajustes salariais e aumenta a contribuição previdenciária de servidores de 11% para 14%. Apesar de os efeitos dessa medida terem sido suspensos pelo ministro Ricardo Lewandowski, do STF, a decisão ainda precisa ser referendada pelos demais ministros.

 

Fonte: Agência Câmara de Notícias

Compartilhar
Favoritar

    Salvo na lista de favoritos

O conteúdo foi útil para você?

Conteúdo relacionado

Fale com o Sebrae

Converse online, por chat ou email, com os técnicos do Sebrae
para tirar dúvidas e receber orientações sobre o seu negócio.
É gratuito!

Converse agora