ac am rr pa ap ma pi ce rn pb pe al se ba to mt ro ms go df mg es rj sp pr sc rs
  • RSRio Grande do Sul
  • SCSanta Catarina
  • PRParaná
  • SPSão Paulo
  • MSMato Grosso do Sul
  • RJRio de Janeiro
  • ESEspírito Santo
  • MGMinas Gerais
  • GOGoiás
  • DFDistrito Federal
  • BABahia
  • MTMato Grosso
  • RORondônia
  • ACAcre
  • AMAmazonas
  • RRRoraima
  • PAPará
  • APAmapá
  • MAMaranhão
  • TOTocantins
  • SESergipe
  • ALAlagoas
  • PEPernambuco
  • PBParaíba
  • RNRio Grande do Norte
  • CECeará
  • PIPiauí
menu Sebrae

Cursos e Eventos

Cursos e Eventos presenciais

Confira a programação do Sebrae no seu estado e inscreva-se já.

Cursos Online

Matricule-se nos cursos online 100% gratuitos e estude sem sair de casa.

Wed Dec 20 19:29:57 GMT-03:00 2017
Empreendedorismo
O caminho começa na Educação Empreendedora
O Sebrae, através do Programa Nacional de Educação Empreendedora, vem transformando os rumos da educação no Brasil
  • PNEE
  • Conteúdos
  • Caminho sem volta

O brasileiro é considerado um dos povos mais empreendedores do mundo. Porém, o que falta, ainda, é seu preparo para gestão do negócio. O Sebrae, há 45 anos tem a missão de promover a competitividade, o desenvolvimento sustentável e o fomento aos pequenos negócios através de suas consultorias e capacitações

Uma pesquisa da Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan), divulgada em 2017, aponta que dois em cada três brasileiros empreendem por oportunidade, por ter habilidade e conhecimento sobre o produto que está sendo oferecido ao mercado. No entanto, ao passar pelos dois primeiros anos de abertura, os pequenos negócios fecham suas portas por falta de dinamismo e gestão. 

Outro registro feito sobre os pequenos empreendedores é a preparação educacional para o mundo dos negócios e a educação financeira. Muitos empresários relatam que não tiveram oportunidades, no ambiente escolar, de serem estimulados a desenvolver suas potencialidades, de entenderem sobre e econômica doméstica e educação financeira. Noutros países, a exemplo dos Estados Unidos (EUA), temas como esses são vivenciados desde a educação básica.

PNEE

Ao longo de 10 anos, o Sebrae vem plantando sementes para o desenvolvimento de conteúdo que estimule ao empreendedorismo na educação. Nesse sentido, foi criado em 2012 o Programa Nacional de Educação Empreendedora (PNEE), que propõe um modelo de educação que oferece metodologias criativas, linguagem adequada e compromisso com a realidade local.

A educação empreendedora é o caminho para a formação de pessoas criativas, dinâmicas e questionadoras, através de uma linguagem adequada e do compromisso com a realidade local. O professor tem papel fundamental na transformação dos estudantes que, muitas das vezes, não têm oportunidade de estar em um ambiente escolar favorável à boa aprendizagem, e vivenciam contextos sociais e econômicos que atrapalham o seu desenvolvimento. 

Assim, a educação é muito mais que estudos de conceitos de equação repassados nas escolas e no bacharelado. Ela inclui aspectos culturais, transmissão de valores de pais para filhos, a exemplo de não jogar lixo na rua e respeitar sinais de trânsito. No mundo acadêmico, educar significa o processo de socialização das pessoas, apontando o deveres e direitos da vivência em comunidade.

Os estudos e os conceitos sobre educação empreendedora foram construídos com o objetivo de levar os indivíduos a refletirem sobre a formação dos novos profissionais e, também, para a formação de novos conceitos inovadores, considerando outras perspectivas já consolidadas. 

Por meio do PNEE, o Sebrae vem disseminando a noção de educação empreendedora para dentro dos muros das instituições de ensino e criando um ambiente favorável ao desenvolvimento de competências que podem estar guardadas entre os estudantes.

A seguir, entenda um pouco sobre os conteúdos desenvolvidos no Programa Nacional de Educação Empreendedora.

Conteúdos

No âmbito do ensino fundamental, o PNEE atua através de um conjunto de ações denominado Jovens Empreendedores Primeiros Passos (JEPP), cuja proposta consiste no estímulo ao pensamento crítico e à concretização dos sonhos. 

Acompanhe o relato de estudantes que participaram de oficinas do JEPP, em Sergipe, demonstrando o impacto e as mudanças da proposta da educação empreendedora em suas realidades:

 

 

No ensino médio, o PNEE propõe que os estudantes tenham a oportunidade de desenvolver seus comportamentos empreendedores, além de reconhecer suas potencialidades e o compromisso com o futuro profissional. 

Seguindo estas estratégias, o Sebrae vem atuando na educação empreendedora por meio das metodologias da Formação de Jovens Empreendedores (FJE), do Despertar e do Crescendo e Empreendendo.

 

 Já no ensino profissional, o Programa Nacional de Educação Empreendedora trabalha com a inclusão da disciplina “Empreendedorismo” no conteúdo programático do ensino técnico.

 

 

No campo do ensino superior, o PNEE desenvolve soluções para tornar a inclusão de conteúdo de empreendedorismo de forma dinâmica, transversal e estimulante. Para os universitários, o Sebrae lançou diversas estratégias, campanhas e parcerias para envolver o professor e desafiar os estudantes a construírem ideias e projetos de negócios no ambiente acadêmico, que possam gerar impactos positivos nas comunidades, bem como negócios inovadores e que atendem ao mercado.

Para essa transformação dentro das universidades e faculdades, o Sebrae lançou disciplinas de inovação e empreendedorismo, palestras, projeto de extensão, simuladores e jogos empresárias.

Caminho sem volta

Segundo Dolabela (2008), a educação empreendedora tem se mostrado um caminho sem volta para o desenvolvimento de uma nova sociedade. Dessa forma, toda transformação acontece através do ensino. O conhecimento empreendedor não é transferível, como temas acadêmicos convencionais, de quem sabe para quem não sabe.

O que se pode fazer é desenvolver o potencial empreendedor presente em cada indivíduo. A educação empreendedora dinamiza, torna disponível e utilizável um potencial presente em todo ser humano. Há necessidade de uma metodologia específica para o “ensino” do empreendedorismo.

A educação empreendedora contribui para o indivíduo saber transformar necessidades em especificações técnicas e conhecimento em riqueza. A educação convencional preparou o indivíduo para lidar somente com as soluções já conhecidas e preparou-o como especialista no conhecimento já existente.

Nesse sentido, o Sebrae vem propondo uma educação empreendedora para tornar os jovens estudantes abertos às oportunidades, protagonistas de sua história e preparados para trilhar um caminho na busca do desenvolvimento social e em comunidade.

Por Rosana Leite
Analista do Sebrae em Sergipe e
gestora do Projeto de Educação Empreendedora

Compartilhar
Favoritar

    Salvo na lista de favoritos

O conteúdo foi útil para você?

Conteúdo relacionado

Fale com o Sebrae

Converse online, por chat ou email, com os técnicos do Sebrae
para tirar dúvidas e receber orientações sobre o seu negócio.
É gratuito!

Converse agora