this is an h1

this is an h2

Tue Nov 23 17:12:49 BRT 2021
Mercado e Vendas | VENDA
Como montar a modalidade de lojinha no Instagram? Descubra aqui!

Veja o que é preciso para montar a sua lojinha no Instagram e atrair os usuários dessa rede social para a sua marca!

· 23/11/2021 · Atualizado em 23/11/2021
Imagem de destaque do artigo

"Como montar a modalidade de lojinha no Instagram?" — essa é uma pergunta que muitos empreendedores fazem a si mesmos. Afinal, essa rede não só tem um público massivo no nosso país, mas também é a mais usada por 62% dos brasileiros ativos na internet para pesquisar e se informar a respeito dos produtos que desejam comprar, como aponta uma pesquisa realizada em 2021 pelo Instituto Opinion Box.

Portanto, aproveitar os recursos que a plataforma oferece é uma ótima estratégia para aumentar a presença online do seu negócio, alcançar mais pessoas e, em especial, elevar o seu faturamento. Por essa razão, trouxemos os principais passos para você utilizar o Instagram a seu favor. Continue a leitura e informe-se!

Como montar a modalidade de lojinha no Instagram?

Antes de partirmos para o passo a passo em si, é fundamental destacar que o Instagram ainda não permite a venda direta pela própria plataforma. Ou seja, nenhum indivíduo ou empresa pode realizar transações de produtos ou serviços.

O que de fato é possível é a conversão de leads por meio da rede social. Isso ocorre quando o usuário, interessado em determinado item promovido, clica no link disponível no seu perfil e é direcionado para o seu e-commerce — onde ele vai finalizar a compra, inserindo os seus dados, escolhendo a forma de pagamento, acompanhando o processo de entrega etc.

Portanto, as dicas que vamos apresentar são voltadas para que você obtenha êxito justamente nesse objetivo, combinado? Dito isso, vamos a elas!

Torne comercial o seu perfil

O primeiro passo que você deve colocar em prática é tornar comercial o perfil da sua loja. Isso é necessário para ajudar a construir uma imagem mais formal para o serviço, já que uma conta nesse formato permite tanto a inserção de dados profissionais quanto a integração com páginas externas (em especial, com o seu e-commerce).

Dois exemplos que ilustram bem isso são a aba "contato" — que cede dados, como o e-mail e o telefone da empresa — e a opção "ligar" — que permite que o usuário faça uma chamada direta para o estabelecimento físico ou para o setor de atendimento da marca.

Coloque a sua conta no Instagram Shopping

A etapa seguinte é colocar a conta da sua marca no Instagram Shopping. Para tanto, é preciso utilizar os dados dela para acessar o Facebook, que é a plataforma responsável por permitir não só os anúncios na primeira rede, mas também o gerenciamento de lojas oficiais nela. A partir daí, acesse o Facebook Business Suite.

Será dentro dessa ferramenta que você poderá criar uma página para o seu negócio e cadastrar a sua loja dentro do Instagram Shopping. Uma vez ativado o recurso, você verá que, no seu perfil, aparecerá a aba "ver loja".

Monte o seu catálogo de produtos

O grande diferencial do Instagram Shopping é o nível de profissionalismo envolvido por parte dos empreendedores. Afinal, além da série de dados compartilhados no Instagram e no Facebook, você pode montar um catálogo virtual de produtos com diversas imagens das mercadorias vendidas.

Essa é uma maneira excelente de apresentar com uma maior riqueza de detalhes cada item, além de haver a possibilidade de colocar determinados produtos em destaque e inserir seções completas de materiais afins (por exemplo, utensílios domésticos e objetos de decoração).

Para completar, cada um desses produtos listados na sua loja fica com uma aba azul, na qual se lê "ver no site". Ela tem o propósito de levar o usuário interessado no item para o link oficial dele no seu e-commerce. Assim, a pessoa pode efetivar a compra.

Não se esqueça das descrições dos produtos

Com o seu catálogo de produtos pronto e acessível no Instagram, é hora da próxima etapa: a descrição dos itens. Dentro da plataforma, ela é chamada de “detalhes” e serve, como o nome deixa bastante claro, para que a loja apresente informações importantes e sucintas sobre o produto. Por exemplo:

  • o peso e as medidas dele (largura, altura, comprimento e profundidade);
  • os tamanhos disponíveis para as peças (quando se trata de roupas, de acessórios e de calçados);
  • o material com o qual ele é feito;
  • os tipos de uso possíveis (caso seja um produto multifunções);
  • os cuidados a serem tomados para preservá-lo e aumentar a durabilidade dele;
  • a marca do item (quando o produto não é fabricado pelo seu negócio, mas, sim, revendido por ele);
  • os dados sobre o modelo que eventualmente aparece nas imagens usando o produto (o que é útil para o consumidor ter uma referência mais precisa sobre proporções da mercadoria em relação a ele próprio).

Além disso, caso queira, você também está livre para abordar outros pontos extras que podem interessar ao consumidor, como o tempo de envio do produto.

Use as tags de preços nos itens

O Instagram Shopping traz ainda outro benefício para você dentro da plataforma: o uso de tags que indicam o preço dos produtos. Assim, ao postar uma ou mais mercadorias da sua loja no feed do seu perfil, você pode fazer o tagueamento delas.

Com isso, o usuário clica no símbolo de sacola que fica no canto inferior esquerdo do item e ela mostra a seguinte frase: "ver produtos". Ao clicar nela, a pessoa tem acesso ao valor cobrado, pode checar se ele está ou não com desconto e ainda consegue conferir as informações do item em poucos segundos.

Crie promoções na sua loja

Além dos passos citados, você também tem a possibilidade de colocar em destaque itens em oferta do seu comércio. Eles aparecerão na seção "sugeridos para você" e trarão uma tag com a palavra "promoção" em destaque.

Os valores, por sua vez, vão ficar na cor azul e o preço original estará riscado. Isso ajuda a reforçar tanto a venda de itens com grande circulação quanto daqueles com menor saída do estoque. Além disso, é um estímulo visual para despertar a vontade de compra nos usuários que já estão interessados no seu serviço.

Como atrair a atenção dos usuários no Instagram?

Para vender mais na internet, não basta saber como montar a modalidade de lojinha no Instagram. Esse é, como diz aquele clássico ditado, apenas um dos lados da moeda. Você também precisa entender de marketing digital e de como utilizar as estratégias dele para:

  • gerar identificação do público com a sua marca;
  • criar um conteúdo relevante de forma orgânica;
  • publicizar os produtos que o seu negócio comercializa, reforçando não apenas a qualidade deles, mas também os benefícios agregados em adquiri-los;
  • promover o engajamento dos usuários (de forma direta ou indireta) com as suas publicações.

Por esse motivo, separamos algumas dicas de ações que ajudam a alcançar, impactar e atrair a atenção dos usuários dessa rede social. Veja quais são elas!

Diversifique o conteúdo do feed

Evite concentrar todos os seus esforços apenas em publicações regulares para o feed. Os próprios algoritmos do Instagram atuam para melhor posicionar e exibir os perfis (de pessoas e de empresas) que investem em um conteúdo diversificado, usando todos os recursos que a plataforma oferece. Portanto, invista em Reels, Stories, fotos, vídeos, destaques, IGTVs etc. Quanto mais variada e criativa for a sua relação com a rede, mais ela tende a beneficiar o alcance e o engajamento da sua loja.

Faça parcerias que alavanquem o seu alcance

Outra sugestão que ajuda a despertar a atenção dos usuários do Instagram é fazer parcerias. A mais comum é com influenciadores digitais. Nesse caso, o empreendedor contrata a pessoa A ou B para uma exposição da marca direcionada para os seguidores dela por meio de Stories, lives, publicações e demais conteúdos patrocinados. Com isso, a loja atinge novos públicos e ainda pode convertê-los em perfis que acompanham a marca e compram dela.

Uma segunda possibilidade é a parceria com outras lojas (obviamente, de setores de atuação diferentes) em prol de causas sociais, campanhas beneficentes e ações solidárias. Afinal, isso traz uma publicidade positiva para a sua marca e mostra que ela está comprometida em contribuir para o desenvolvimento da sociedade na qual está inserida.

Aposte nas trends

Para concluir, acompanhe as trends da rede, em especial os challenges que movimentam o Instagram e são constantemente reproduzidos pelos usuários. Em muitos casos, é possível fazer a sua própria versão desse tipo de conteúdo e engajar os seus seguidores a seguirem-na, inclusive, compartilhando com a sua marca as publicações que foram criadas e viralizaram.

Essa é uma forma bastante efetiva não só de humanizar e modernizar a loja, mas principalmente de interagir e de fortalecer a relação com o seu público-alvo.

Agora que já está explicado o passo a passo de como montar a modalidade de lojinha no Instagram, é hora de trabalhar a presença do seu negócio na plataforma. Por isso, não deixe de se inspirar nas estratégias de marketing para divulgar o seu perfil, aumentar a interação dos usuários com ele e ampliar o alcance dentro da rede social — assim, o seu potencial de venda e o de lucro só tendem a crescer!

Gostou de ler o artigo? Pois que tal compartilhá-lo nas suas redes sociais? Dessa maneira, mais empreendedores podem se organizar e se planejar para atuar na internet!


O conteúdo foi útil pra você? Sim Não
Obrigado!

Foi um prazer te ajudar :)

Precisa de ajuda?

Nós temos especialistas prontos para atender você e o seu negócio de forma online e gratuita.

Acesse agora